Economia

Plantio de soja 2017/18 em MT está 10 p.p. abaixo de 2016/17, diz Imea

6 out 2017 16h37 - atualizado às 18h19
comentários

O plantio de soja da safra 2017/18 em Mato Grosso, principal produtor nacional da oleaginosa, alcançava 6,27 por cento da área até esta sexta-feira, avanço de 5,09 pontos percentuais na semana, segundo acompanhamento do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Plantação de soja em Primavera do Leste 7/2/2013 REUTERS/Paulo Whitaker
Foto: Reuters

A semeadura neste ano está 10,22 pontos percentuais abaixo daquela registrada em igual momento de 2016/17, ainda de acordo com o Imea, refletindo as preocupações dos produtores quanto à irregularidade nas chuvas em praticamente todo o país.

publicidade

O plantio está liberado desde meados de setembro, após o vazio sanitário.

O nordeste de Mato Grosso figura como a região onde o plantio está mais atrasado em relação a outras regiões do Estado na safra atual, atingindo apenas 1,70 por cento da área. Na semana anterior, a semeadura ainda não havia se iniciado no local.

Em contrapartida, os produtores do oeste mato-grossense foram os que mais semearam até agora, com 13,48 por cento da área, avanço de 9,15 pontos na semana.

Apesar disso, é justamente o oeste que está mais atrasado na comparação anual, com o plantio por lá 22,83 pontos percentuais abaixo do visto há um ano.

Pesquisa divulgada nesta sexta-feira pela Reuters mostra que a produção nacional de soja em 2017/18 deve cair para 109,98 milhões de toneladas.

Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
publicidade