- Anuncie
- Assine

   
 
Paulo Borges // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


O jardim de Chanel
Com 80 modelos na passarela, Karl Lagerfeld apresentou os clássicos da maison

Louis Vuitton oriental
A grife francesa se inspira na China e desfila uma coleção repleta de glamour

Pontual como sempre, o desfile da Louis Vuitton, sob o comando de Marc Jacobs, em Paris, não atrasou um minuto sequer. Quando a luz se acendeu, três tigres empalhados anunciaram para onde nos levaria o carnet du voyage da maison francesa: China. Repleto de referências ao mestre Yves Saint Laurent, o estilista abusou dos vestidos de gola Mao com franjas, estampas, listras.
Glamour extremo que só ganhou ainda mais destaque com as rendas, franjas, bordados, brilhos e prints de animais: onças, zebras, girafas, toda uma fauna completa. Kristen McMenamy que o diga: fechou a apresentação com o corpo pintado de zebra. Numa temporada marcada pelo minimalismo, a passarela da Louis Vuitton atesta que menos nem sempre é mais. Aliás, quando se trata de bom humor, mais é sempre melhor.



 

 

 

<< Anterior | 1 | 2 | 3 | 4 | Próxima >>

   


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS