- Anuncie
- Assine

   
 
Urgente // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Paulo Vilhena estreia como travesti no teatro
No musical Hedwig e o Centímetro Enfurecido, o ator se veste de mulher e é dirigido por Evandro Mesquita

Poliana Costa

 

 

Fotos MARCELO FERNANDES/ AG. ISTOÉ

Minutos antes de subir ao palco para a estreia do musical Hedwig e o Centímetro Enfurecido, na noite da quinta-feira 16, Paulo Vilhena respirava ofegante no camarim do Teatro das Artes, na Gávea, no Rio. Do lado de fora, sua namorada, Thaila Ayala chegava apressada para não perder a apresentação. “Estava em São Paulo trabalhando e vim direto do aeroporto para cá. Não podia perder. Estou nervosa por ele”, dizia ela. Ao final do espetáculo, o ator parecia mais tranquilo. “O teatro é sempre um desafio”, disse, antes de receber um abraço da mãe, dona Lena, e da namorada. “A Thaila é minha parceira, me ajudou muito nos detalhes femininos. Ela me deu dicas de maquiagem e de como andar no salto”, disse. Fernanda Lima, Fernanda Paes Leme, Bianca Bin e Fernanda Rodrigues foram algumas das colegas que prestigiaram o ator.

Bem-humorada, Fernanda Lima disse ter ficado surpresa com a caracterização de Vilhena como travesti. A apresentadora confessou que não encararia com naturalidade se seu marido, o ator Rodrigo Hilbert, fizesse o mesmo papel de Paulo. “Sou uma pessoa um pouco careta nesse aspecto (risos). Não sei se ia gostar de vê-lo naquele rebolation todo. Mas a profissão tem dessas coisas e o artista tem que ter um olhar mais aberto”, disse. Fernanda contou que voltou a gravar o programa Amor & Sexo há duas semanas, mas que em casa o tema está em compasso de espera: “Não tenho tido tempo de praticar, Rodrigo está me cobrando. Eu vou comparecer (risos). Vou comprar minha bota de vinil e fazer um show para ele”, brincou.

Fotos MARCELO FERNANDES/ AG. ISTOÉ

 

   


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS