- Anuncie
- Assine

   
 
Cinema // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Amigos, amigos, filho à parte
Jennifer Aniston convence como a mãe solteira do levinho Coincidências do Amor, mas Jason Bateman, com seu humor refinado, rouba todas as cenas

Por Suzana Uchôa Itiberê

 

Bateman e Jennifer têm um filho sem saber que ele é o pai

★★★ COMÉDIA ROMÂNTICA

A INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL é o tema da hora em Hollywood. Jennifer Lopez apelou para um doador de esperma no recente Plano B, e estreia em breve por aqui Minhas Mães e Meu Pai, em que Julianne Moore e Annette Bening formam um casal que também concebeu seus filhos com a ajuda de um terceiro. A concepção mais inusitada, porém, é a da solteirona vivida por Jennifer Aniston em Coincidências do Amor, que faz uma festa para celebrar o bonitão (Patrick Wilson) que vai lhe ceder o sêmem. Quem não aprova a situação é o melhor amigo dela, papel de Jason Bateman, que custa a admitir que ama a moça desde sempre. Pois naquela noite, chapado de tanto beber, ele substitui o conteúdo do frasco do doador por seus “ingredientes” e apaga o ocorrido da memória.

A trama avança seis anos para explorar os efeitos da troca na relação da dupla central, o que inclui a convivência dele com o fruto da inseminação. O garoto é uma figurinha tão neurótica e hipocondríaca quanto o “amigo da mãe”. Não é difícil imaginar onde tudo isso vai terminar, mas o que vale nesse tipo de filme é como se chega lá. Jeff Goldblum e Juliette Lewis contribuem como os conselheiros de plantão e Jennifer Aniston, bem, essa se tornou especialista em comédias românticas. O dono da bola, contudo, não é a bela, mas esse ator de feições agradavelmente imperfeitas. Jason Bateman se firmou como coadjuvante versátil, de comédias como Trovão Tropical a thrillers do porte de Intrigas de Estado, e agora brilha como protagonista. A falta de tensão sexual entre ele e Jennifer põe muito a perder, mas Bateman é daquele tipo de ator sutil, de pequenos gestos e olhares significativos que engrandecem até uma história bobinha como essa.

(12 anos)

 

   


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS