- Anuncie
- Assine

   
 
Cinema // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Drew Barrymore
Ao lado de Justin Long, seu ex - ou talvez atual - namorado, a atriz estrela Amor à Distância, um filme mais apimentado do que as comédias românticas em que o público se acostumou a vê-la

Marina Monzillo, de Los Angeles

Como se preparou para viver uma jornalista?
Drew:
Passei minha vida toda com jornalistas. Tenho a impressão que os conheço e os entendo. Não senti necessidade de sentar em uma redação de jornal para pesquisar este papel. Acho fascinante preencher um pedaço de papel com uma história. Sempre fantasiei ser uma escritora de viagens. Concordo com a minha personagem: não quero ver os jornais morrerem, não quero que seja só internet e blogs, nada contra eles.

Drew fala palavrões no filme, Justin aparece pelado e juntos fazem sexo por telefone. Em algum momento se sentiram constrangidos durante as filmagens?
Drew:
Nunca, adorei, não pensei muito sobre isso e buscava uma personagem assim. Algumas cenas cortadas eram ainda mais picantes. Justin: Nunca tinha feito nada assim antes e seria um sociopata se não tivesse ficado um pouco constrangido. Na cena do sexo por telefone, estava em uma situação muito íntima e a diretora se aproximou, sentou na cama e me ensinou como era a melhor forma de me masturbar, cinematograficamente falando, como ficava melhor na câmera. Foi estranho!
(Classificação Indicativa: a conferir)

 

  ‘‘Seria um sociopata se não tivesse ficado constrangido. Na cena do sexo por telefone, estava em uma situação muito íntima e a diretora se aproximou, sentou na cama e me ensinou como era a melhor forma de me masturbar’’
Justin Long

 

Christina Applegate

A irmã dela
A personagem de Drew Barrymore em Amor à Distância tem uma irmã mais velha, protetora e levemente neurótica vivida pela atriz Christina Applegate. É a volta dela ao cinema depois de enfrentar um câncer de mama em 2008. Livre da doença e grávida aos 38 anos, Christina falou sobre a longa amizade com Drew: “Somos amigas desde a infância, mas nunca tínhamos trabalhado juntas. Fizemos aulas de balé na mesma classe quando éramos pequenas. Ela era minha caçulinha, eu me achava muito mais velha. Agora não sou mais!”, contou Christina, entre risadas. No mesmo tom, Drew ironizou: “Foi horrível, péssimo, muito estranho trabalhar com ela.”

 

Jason Sudeikis e Charlie Day

Os amigos dele
Provavelmente o melhor de Amor à Distância são os coadjuvantes Dan e Box, interpretados pelos comediantes Charlie Day e Jason Sudeikis (do elenco do programa Saturday Night Live). O primeiro divide o apartamento com Garrett e o segundo é seu colega de trabalho. Ambos fogem do peril “conselheiros amorosos”, normalmente reservado aos melhores amigos nas comédias românticas. “Os atores contribuíram e vieram com piadas ainda mais engraçadas durante os ensaios. Reescrevemos cenas, como aquela com os três caras conversando enquanto um deles está na privada”, disse a diretora, Nanette Burstein. “Me inspirei em amigos da faculdade. A gente improvisou bastante, digamos 50%”, contou Charlie. “Os dois gostam de Erin, mas um sente a falta do amigo e o outro tem um ponto de vista pragmático do romance”, explicou Sudeikis.

 

 

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2
   


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS