- Anuncie
- Assine

   
 
Maternidade // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Juliana Paes
"Quero parto normal"
Atriz estreia como apresentadora, fala da espera por Pedro, revela que se emociona ao sentir o bebê se mexer e que está adorando ver sua barriga crescer

Simone Blanes

Marcelo Liso/AFB Press

Já conseguiu ver o pezinho, o rosto?
Já sim. Estou ansiosa pelo exame morfológico que você vê os órgãos, se está tudo certinho. Já vi as fotos em 3D. Desde o primeiro exame fazem essas fotos, mas da última vez, vimos o rostinho dele. Ele tem essa parte do queixo mais quadradinha. Minha mãe disse que o rostinho dele é igual ao do pai. (Regina, mãe de Juliana, que estava junto, confirmou: 'É verdade, está a cara do Dudu já na barriga'.) Mas sempre tenho crises de risos. Sou assim: quando está todo mundo nervoso, sou a calma, a fria. Quando acaba, aí vou chorar, vou me descabelar e ter ataques de risos. Às vezes demoro a acreditar, mas quando paro para analisar o milagre, que estou gerando uma vida, é especial. É nessa hora que a gente se sente privilegiada em ser mulher. Fico compadecida dos homens, que nunca vão sentir isso.

O que mais te emociona nesse período?
Quando o sinto mexer. Posso estar séria, até irritada, mas se sinto aquele "tum": ele chuta e eu me derreto. (Regina de novo: 'Daqui a pouco, filha, você não vai só sentir, mas vai ver aquele altinho na barriga. É lindo!')

Se sente mais bonita agora?
As pessoas têm falado, mas não acho. Estou a mesma coisa.

''Já escolhi tudo, a decoração, o bercinho.
O quarto do meu bebê é todo de ursinhos.
Não podia ser mais clássico, né?"

Marcelo Liso/AFB Press

E os cuidados de beleza?
Estava fazendo drenagem, mas dei uma paradinha para gravar o programa. Mas faço sim, uma vez por semana. Até duas, se achar que estou retendo um pouco mais de líquido. Estou me exercitando. Dou umas corridinhas. Algo bem suave. Faço exercícios de pilates, com elásticos. Minha personal bolou um exercício que trabalha esses músculos transversais, que dão sustentação na coluna para ajudar na hora do parto.

E o parto, como vai ser?
Quero parto normal. Minha médica acha que é a melhor opção. Na hora tudo pode acontecer, mas quero sim. Ela me falou que tem tudo para dar certo.

Já ganhou muita coisa para o bebê?
Ganhei muita coisa linda, mas o último presente foi esse cordãozinho do meu marido. Falei para ele que queria uma coisa bem discretinha para usar com os outros colares (mostra o colarzinho de ouro branco com um pingente de menininho cravejado de pequenos brilhantes).

Sente-se mãe de menino? Como se imagina mãe?
Já me acostumei com essa ideia. Isso de tentar se colocar num nicho comportamental, não consigo. A gente só sabe quando acontecer. Às vezes, falo: 'Ah, se fosse meu filho não iria deixar', mas, na hora, é diferente. E eu sou uma bobona.

A mudança no corpo lhe agradou?
Adoro ver minha barriga crescer. É obvio que você estranha algumas coisas, o quadril começa a ficar diferente. Mas quero mais que a minha barriga cresça e apareça.

Gravidez é um momento para ficar em casa?
Acho bom você se manter ativa. Gosto de trabalhar. Quem me conhece, sabe que sou assim. Seria difícil estar numa batida de novela, aquela coisa de gravar 12 horas por dia.

A gravidez interfere muito no figurino?
O figurino deve ser mais discreto. Não é qualquer roupa que te favorece, mas a intenção nunca foi esconder. Estou grávida e é isso aí.

 

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2
   


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS