- Anuncie
- Assine

   
 
Estilo // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Ensaio
A herdeira de Ingrid Berman
Filha de Isabella Rosselini e neta da atriz sueca, estrela de Casablanca, Elettra Wiedemann se divide entre as profissões de modelo e biomédica e, em visita ao Brasil, conta suas ideias para a preservação da Amazônia

Por Bianca Zaramella / Fotos: Eduardo Resende / ABÁ / MGT / Styling: Manu Carvalho

De jaqueta de couro, jeans e com as clássicas sapatilhas Repetto, a modelo recebeu Gente na manhã do sábado 24, no Hotel Fasano, em São Paulo. Ela esteve no Brasil para ser a estrela do evento que comemorou os 75 anos da Lancôme no País com um desfile da estilista Juliana Jabour, na terçafeira 27, mas esta não foi a sua primeira vez por aqui. Elettra já veio para uma campanha publicitária e um desfile nos primeiros anos do São Paulo Fashion Week. “Adoro São Paulo. É uma cidade muito cosmopolita e a moda de vocês está cada vez mais interessante”, comentou ela.


Apaixonada pela Amazônia
A bem-sucedida carreira de Elettra começou aos 15 anos, quando aceitou a sugestão de um amigo de sua mãe para que tentasse a carreira de modelo. O amigo era Bruce Weber, um dos mais importantes fotógrafos de moda daqueles tempos e amigo de Isabella. “Quase nem usava maquiagem antes do meu primeiro ensaio fotográfico. Nunca me preocupei com isso.” Após alguns trabalhos, Elettra provou ter nascido para posar para as câmeras. Seu primeiro ensaio foi para a Vogue alemã, e desde então ela tem aparecido nas capas e editoriais das principais revistas de moda como Vogue America, Vogue Teen, Harper’s Bazaar e Vanity Fair. A modelo já posou para as lentes de fotógrafos como Mario Testino e Ellen Von Unwerth e também já foi nomeada uma das “50 pessoas mais bonitas do mundo” pela revista People.

Vestido Alexandre Herchcovitch, scarpins Alexandre Herchcovitch para Schutz e anel Ara Vartanian
Vestido André Lima e anel Ara Vartanian


‘‘É engraçado porque todo mundo me pergunta sobre a minha avó, mas para mim ela só era a estrela de Casablanca. Meus avós maternos morreram antes de eu nascer’’

Na manhã do sábado, Elettra tomava seu café enquanto lia as últimas notícias do jornal inglês Herald Tribune. “Tem pão de queijo?”, perguntou ela em francês a Nicolas Karayannis, seu agente internacional. Ela é fluente também em inglês e italiano, porque Paris, Londres e Milão estão sempre em seu roteiro. Elettra se divide entre a carreira de modelo e um lado profissional bem diferente do glamour das passarelas. Com 27 anos recém-completados, acaba de concluir um mestrado em Biomedicina na London School of Economics, na capital inglesa. Sua tese foi sobre fazendas verticais, proposta que engloba ação e preocupação com o meio ambiente. “Quero que as pessoas plantem orgânicos em casa”, explica. Elettra conta que dividiu a classe com três brasileiras e a pauta das conversas girava em torno de projetos de preservação da Amazônia. “Sou fascinada pela floresta de vocês desde que li Lost in the City, de David Grann, quando tinha uns 15 anos. A história deste livro se passa na Amazônia e eu me lembro que ficava imaginando como seriam aquelas plantas e animais exóticos. Era uma fantasia”, relembra a modelo, que vive em Greenwich Village, bairro nova-iorquino onde foi criada. A preocupação de Elettra com a preservação do meio ambiente vai além. Recentemente ela fundou uma entidade beneficente com o namorado, James Marshall, a Just One Frickin’ Day (www.justonefrickinday.com), que atua para melhorar o uso de recursos naturais do planeta e está atualmente instalando painéis elétricos solares em Burundi, na África. “Procuro ajudar da melhor forma e acho que este será o caminho da minha vida quando a carreira de modelo acabar.”

Na semana que esteve em São Paulo, Elettra aproveitou a estadia nos Jardins para visitas a restaurantes e comprinhas em lojas descoladas, além de um roteiro alternativo em Embu das Artes, onde se encantou com o artesanato local. Na terça-feira 27, após o desfile de Juliana Jabour, a modelo internacional entregou que pretendia estender sua visita à Bahia, na companhia do namorado.

 

 

Coordenação de moda Bianca Zaramella
Produção de moda Camila Salles
Beleza Lavoisier – CAPA/MGT
Agradecimentos Hotel Fasano São Paulo

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS