- Anuncie
- Assine

 
 
 
Estilo // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Estilo Casa
Entre a terra e o mar
Com vista privilegiada para o mar do Leblon, a atriz Gisele Fraga faz do apartamento carioca seu segundo endereço e se desdobra para manter sua vida entre o Rio e São Paulo

Camilla Gabriella Fotos Daniela Dacorso/Ag. IstoÉ

No escritório, a foto ampliada de Gisele faz as vezes do papel de parede. É o canto de trabalho dela quando está em casa


“Carrego tudo o que vejo nas viagens. Aqui tem menos coisas dentro de casa. Já em São Paulo fui eu que decorei”, diverte-se. Apesar da ajuda de um profissional, o toque feminino de Gisele pode ser visto pela casa. Como no tapete da sala – criação sua – batizado de Florescer, em que o desenho remete a ramos de folhagens; nas almofadas que trouxe de Nova York ou no lustre de cristal, seu sonho de consumo desde criança. “Adoro decoração. Compro revistas especializadas, livros. Minha casa conta uma história, é moderna com alguns pontos conservadores”, diz Gisele.

Além dos objetos trazidos de viagens, como os vasos da China e do Japão, um porta-retrato digital na sala mostra as viagens do casal pelo mundo afora. Foi ideia da atriz transformar uma foto sua, tirada há três anos pelo fotógrafo Thiago Mancine, em papel de parede do escritório. Pediu permissão ao marido, que aceitou sem titubear. “É uma das fotos que estou mais bonita. Quis eternizá-la. No escritório, um porta-retrato com foto do sobrinho-neto, textos da novela Uma Rosa com Amor, a Bíblia da Mulher e uma coleção de ovelhas que ela adora.

Mas o que tem de diferente no apartamento de São Paulo que deveria ter no Rio? “Dois andares, porque eu gosto de dar festas. Gosto de lugar maior, mas como não é nossa casa oficial o apartamento do Rio ainda é pequeno”, diz Gisele. Há, no entanto, planos de inverter as posições e transformar o segundo endereço em residência oficial. “Em São Paulo minha vida é praticamente de mãe, só que de três cachorros”, brinca. O clima carioca e a saudade do mar seriam um dos motivos para transformar o apartamento de Ipanema na principal residência do casal. Por causa das gravações de Uma Rosa com Amor, do SBT, onde interpreta uma perua bipolar, Gisele não tem encontrado tempo de viajar para o Rio. Mas conta que, pelo menos uma vez por mês, segue para seu refúgio carioca revigorar as energias. “Venho para o Rio de acordo com meu roteiro. Às vezes, não gravo no fim de semana e tenho mais tempo para ficar na cidade”, conta ela, que lamenta não poder ter plantas no apartamento e enche o espaço com orquídeas. “Adoro orquídeas. Gosto de ter aqui quando estou em casa. Fico com pena de deixar uma planta sozinha.”

 


PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS