- Anuncie
- Assine

 
 
 
Teatro // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


DRAMA
Para ver as meninas
Adaptação do romance de Lygia Fagundes Telles preserva o vigor da história original

RONALDO AGUIAR
A peça é sobre três amigas vivendo seus amores, tragédias e desejos

UM LIVRO DE MAIS DE 200 páginas resumido em peça de 80 minutos. Personagens que há 36 anos vêm sendo imaginadas por leitores. Um texto preciso e sensível refeito. Difícil crer que, com premissas assim, As Meninas, adaptação do romance de Lygia Fagundes Telles, pudesse resultar num espetáculo tão bonito. A versão de Maria Adelaide Amaral se vale de elipses, agrupando situações do romance de maneira inteligente.

A direção de Yara de Novaes usa do mesmo expediente ao manter as personagens no palco e ao fazê-las se mostrar - não apenas em cena, mas com seus sentimentos - no tempo certo. E o elenco é muito bom. Lorena (Clarissa Rockenbach) vive trancada em seu quarto-mundo cor-de-rosa; Lia (Silvia Lourenço) é a estudante revolucionária; e Ana Clara (a excelente Luciana Brites), a sonhadora que usa drogas para viajar para longe da infância sofrida.

São amigas vivendo com coragem seus amores, tragédias, desejos e desalentos. "Sabemos que o que apresentamos para vocês é apenas um ensaio daquilo que se constitui como um mundo inteiro. Se não estamos à altura da Lygia e de sua obra, pelo menos, nos jogamos aos seus pés", escreveu Yara no programa da peça. Esse "ensaio" já seria bom por preservar o vigor da história.

Mas vai além ao permitir que as meninas sejam grandes em cena. Para quem as conheceu no romance, para quem foi o quarto elemento naquela amizade, a peça as traz vivas, potentes, inteiras. Para quem ainda não as havia encontrado, é uma bela apresentação.

(14 anos) A.P.

Teatro Eva Herz - av. Paulista, 2073, São Paulo, tel: (11) 3170-4059. Até 13/12.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS