- Anuncie
- Assine

 
 
 
Cinema // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


DOCUMENTÁRIO
Por trás daquelas lentes
Filme sobre Herbert Vianna mostra do surgimento do Paralamas do Sucesso até a retomada da carreira após o acidente de 2001

Fotos DIVULGAÇÃO
Herbert de Perto é repleto de imagens de arquivo com montagem rápida alternada

NO INÍCIO DE HERBERT DE PERTO, o músico é confrontado com uma imagem sua, quando jovem, dizendo que começaria tudo de novo se algo ruim lhe acontecesse. "Esse mané não sabe o que está falando", comenta Herbert. Ao ver fotos de quando era jovem, ele se lembra de algumas coisas, outras não, e fica emocionado ao ver Lucy, sua mulher, que morreu em 2001, em acidente de ultraleve que deixou o músico em cadeira de rodas.

O acidente é abordado em depoimentos, mas não é o foco. Roberto Berliner, diretor ao lado de Pedro Bronz, acompanhou o Paralamas desde o início da carreira e fez um filme repleto de imagens de arquivo, numa montagem rápida alternada. Os diretores não escondem a amizade com Herbert e isso não desmerece o trabalho deles. A imagem de bom moço de Herbert se fortalece.

Há rápidas menções às bagunças dos tempos de juventude. Hermano Vianna, irmão do cantor, faz um paralelo entre a vida dos jovens de Brasília e o surgimento do rock. São do antropólogo as considerações mais precisas sobre a história do irmão. Ele comenta que Herbert amadureceu aos olhos do público, aponta esse crescimento também na música.

(10 anos) Aina Pinto

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS