- Anuncie
- Assine

 
 
 
Livros // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


BIOGRAFIA
O drama real de Maria Callas
Jornalista reconstitui em texto romanceado a saga de glórias e tormentos da diva da ópera

Fotos DIVULGAÇÃO
Ser abandonada por Aristóteles Onassis foi o maior dissabor de Callas

A VIDA DE MARIA CALLAS (1923 - 1977) renderia ópera de enredo tão trágico quanto o das encenadas pela soprano de origem grega nos palcos a partir dos anos 40. Com base em correspondências e documentos alardeados como inéditos, o jornalista Alfonso Signorini reconta as glórias e tormentos da diva da ópera em biografia de tom romanceado.

O título, Orgulhosa Demais, Frágil Demais (Record, 304 págs., R$ 39,90), já traduz o estilo folhetinesco da narrativa, que vai virar filme (Penélope Cruz está cotada para encarnar Callas na tela). A trama alcança seu ápice dramático quando a cantora é abandonada por seu amante, Aristóteles Onassis (1906 - 1975), quando o magnata preferiu se casar com Jacqueline Kennedy (1929 - 1994).

O abandono de Onassis - a quem Callas continuou ligada até o fim da vida do milionário - foi talvez o maior dissabor que enfrentou, mas estava longe de ser o primeiro. O autor mostra como a exploração de Callas por sua mãe, ainda na Grécia, seria apenas o primeiro capítulo de uma saga de decepções e brigas.

Mesmo no auge vocal, vivido na Europa nos anos 50, Callas se desentendia com seus colegas e diretores por conta de seu temperamento forte. Signorini tem o mérito de não julgar a protagonista de sua história. Apenas relata, com boa dose de romance, os fatos principais da vida agitada e contraditória da diva. Mauro Ferreira

 

MARCOS CORAZZA/AG.ISTOÉ

Li e gostei Sabrina Sato

"Estou lendo e amando Comer, Rezar e Amar, da Elizabeth Gilbert. É impressionante a força dessa mulher, que passa por tantas experiências e viagens. Uma lição de vida" (Objetiva, 344 págs., R$ 42,90)

Sabrina Sato é apresentadora do Pânico na TV!

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS