- Anuncie
- Assine

 
 
 
Música // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


O baú sem fundo de Raul Seixas
Gravação inédita puxa kit de CD e DVD que lembra os 20 anos da morte do maluco beleza

ARQUIVO AG.ISTOÉ
Raul Seixas Também É Documento é o primeiro DVD editado do roqueiro

REGISTROS INÉDITOS de Raul Seixas (1945 - 1989) vêm sendo liberados em doses homeopáticas para manter vivo o culto ao roqueiro, morto há 20 anos. A novidade da hora é "Gospel", gravação inédita de 1974. A música foi composta por Raul e Paulo Coelho para a trilha sonora da novela O Rebu.

Contudo, a letra não passou pelo crivo da censura da época e a música precisou ser refeita, tendo sido gravada para o LP da novela pela cantora Sônia Santos com o título de "Por quê?". O único registro dos versos originais foi feito por Raul em fita demo que deu origem à gravação que serve de chamariz para o kit de CD e DVD 20 Anos sem Raul Seixas.

Com exceção de "Gospel", o CD rebobina fonogramas de outro álbum póstumo de Raul, Documento, lançado há 11 anos. Por isso mesmo, as atenções dos admiradores da obra do maluco beleza devem ser dirigidas para o DVD que exibe filme de 25 minutos, Raul Seixas Também É Documento, até então editado somente num obscuro VHS de 1998.

Trata-se do primeiro DVD do roqueiro. Imagens de arquivo, números de shows - inclusive o do último de Raul, feito em 1989 no Canecão (RJ) - e trechos de entrevistas traçam ralo perfil de um dos artistas mais originais da música brasileira.
Mauro Ferreira

Sonoras

Acesa, Alcione

Em seu 34º álbum, a cantora não esquece as baladas de romantismo despudorado, com destaque para "Quem Dera", mas apresenta boa safra de sambas. O arranjo de Wilson Simoninha valoriza "Chutando o Balde", de Nei Lopes. Descoberto pelo produtor Jorge Cardoso num pagode em Manaus (AM), "A Casa da Mãe Gente" é partido de alto quilate. Acesa se impõe como um dos melhores discos de Alcione na década.

Sopro do Dragão, Leo Maia

Em seu terceiro CD, o filho de Tim Maia se mostra legítimo herdeiro das tradições do soul e do funk dos anos 70. Leo assina nove das 14 músicas do álbum. Da lavra alheia, "Revanche" se impõe como uma das melhores baladas de Hyldon. Entre as regravações, o destaque é "Homem do Espaço", de Jorge Ben Jor. Entre baladas e funks, Sopro do Dragão ventila também o suingue das gafieiras. (M.F.)

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS