- Anuncie
- Assine

 
 
 
Moda // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Christian Lacroix
Sem recursos, o estilista conseguiu apresentar um desfile impecável com referências espanholas e levantar a maison à beira da falência

Bianca Zaramella

O estilista inspirou-se nas capas e pelerines espanholas para criar sua coleção de alta-costura que arrancou aplausos da plateia

Christian Lacroix aceitou o desafio de criar uma coleção de alta-costura com custo baixíssimo e entrou para a história da moda. Com sua maison à beira da falência, ele apostou na experiência e no que tinha em mãos para apresentar um desfile intimista, com poucos convidados, no Musée des Arts Décoratifs, em Paris.

Sua equipe trabalhou de graça com tecidos de acervo e os profissionais de beleza foram pagos com recursos do próprio estilista. Os sapatos foram doados pelo designer Roger Vivier, amigo de Lacroix. Apesar da dificuldade, o estilista não perdeu o glamour e fez um desfile impecável. Afinal, era sua última grande aposta de conquistar possíveis investidores.

Na passarela, sua alfaiataria apareceu perfeita em volumes e cortes e ainda por cima usável. Na palheta de cores, tons de azul, preto e cinza e muito brilho em detalhes retrôs, como bordados dourados e broches de cristal. As saias apareceram curtas e acompanhadas de meia-calça preta e um scarpin da mesma cor: básico e chique.

Para terminar, vestidos longos inspirados na cultura espanhola e uma noiva barroca que arrancou aplausos entusiasmados da plateia. Alguns convidados aderiram à causa e exibiram faixas com declarações de "Lacroix Forever". O esforço deu resultado.

Há poucos dias, o estilista também recebeu apoio do governo da França para dar início às negociações em nome de sua contribuição ao patrimônio cultural do país. Lacroix não comenta ainda, mas grupos de investidores italianos já cogitam uma possível compra de sua grife.

Fotos afp

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS