- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


celebração
À espera de Augusto
A empresária Maythe Birman, grávida de oito meses do terceiro filho, ganha chá-de-bebê beneficente de Rosy Verdi

Texto Luciana Franca Fotos Cleiby Trevisan/ Ag. Istoé

Maythe Birman à frente da mesa preparada por Ana Maria Velloso

Rosangela Lyra e Maythe

A semana foi festiva para Maythe Birman. Grávida de oito meses, a empresária ganhou um animado chá-de-bebê de Rosy Verdi, na quinta-feira 21. A colunista do Programa Amaury Jr. abriu as salas de seu amplo apartamento no bairro dos Jardins, em São Paulo, para celebrar a chegada de Augusto, prevista para meados de junho. Ana Maria Velloso mostrou seus dotes como decoradora, talento que ela dedica apenas aos amigos queridos, e montou uma mesa toda em azul e branco, com muitas flores, bolo assinado por Mariza Doces e ursinhos dos mais variados estilos. Um deles, que rezava o "Pai Nosso", fez o maior sucesso entre as convidadas. Alguns dos bichinhos de pelúcia traziam os nomes do herdeiro que está a caminho e também dos outros filhos de Maythe: Allan, de 10 anos e André, de 1 ano e 10 meses. Aliás, o primogênito foi o único homem a ter o privilégio de participar da reunião das amigas da mãe, entre elas Rosangela Lyra e Cris Saddi. Maythe, muito elogiada pela boa forma, não resistiu aos brigadeiros de uva, uma receita secreta de Dadá, cozinheira de Rosy. A homenageada da noite também surpreendeu pela tranquilidade, apesar da proximidade do parto. "Terceira gravidez é sempre mais fácil, não tem aquela ansiedade das primeiras", disse. A empresária ainda contou sobre a festa de dois anos de André que estava organizando para o domingo 24. "Ele faz aniversário em julho, mas quis antecipar para poder curtir. Seria difíci no final da gravidez ou depois do nascimento do bebê." No chá, que estendeu-se noite adentro, as convidadas chegaram carregadas de latas de leite em pó, que seriam doadas à entidade Amparo Maternal, e saíram com lembrancinhas feitas por Viviane Verdi, da Vivi Home.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS