- Anuncie
- Assine

 
 
 
Teatro // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Ideia de Pai
Empolgado com a reação dos filhos que viram a peça Charlie and Lola, em Londres, Luciano Huck traz a atração ao Brasil e monta uma produtora de espetáculos infantis

Texto Ana Carolina Soares

Divulgação
Huck comemora a chegada de Charlie e Lola com seus novos parceiros: o diretor Roman Stefanski, a produtora Aniela Jordan e o empresário Luís Calainho.

Faz quase um ano, mas Luciano Huck ainda guarda na memória a expressão de Joaquim - que na época estava com 3 anos de idade. Os grandes olhos azuis do menino mal piscavam, incrédulos e maravilhados, ao perceber que Charlie e Lola, personagens de um dos seus desenhos favoritos, transmitido pelo Discovery Kids, ganharam vida e estavam bem ali, em carne e osso, no palco do Polka Theatre, em Londres. Pai e filho assistiram à peça Charlie and Lola's Best Bestest Play em julho do ano passado, acompanhados de Angélica e do caçula Benício.

Ag News
Os filhos do empresário e apresentador, Joaquim (no colo de Angélica) e Benício, estão animados com a novidade

Quando as cortinas se fecharam, o casal tinha certeza de que o programa tinha sido um dos mais marcantes daquelas férias da família. "Benício ainda era muito pequeno (tinha 8 meses), mas Joaquim curtiu tudo", conta Huck. Empolgados com a reação do primogênito, Angélica e Luciano desembarcaram no Brasil decididos a adquirir os direitos da peça e montar o espetáculo.

O primeiro passo foi a associação à empresa Aventura, de Luís Calainho e Aniela Jordan, que produz musicais como A Noviça Rebelde e Beatles num Céu de Diamantes. Juntos, os quatro sócios formaram a Aventurinha, cuja meta é produzir espetáculos infantis de alto padrão. O primeiro deles será Charlie e Lola, a Peça - Da TV para o Teatro, que vai custar R$ 1,5 milhão e trouxe ao Brasil o mesmo diretor da montagem inglesa, Roman Stefanski. "Ver uma peça como esta tomar forma e subir ao palco no Brasil é motivo de muito orgulho. Está sendo uma delícia participar desse processo em busca de espetáculos de qualidade para a criançada. Acho que descobri um novo e produtivo hobby", comemora Huck.

Marcada para 4 de julho, a estreia será em São Paulo, no Teatro das Artes, no Shopping Eldorado. Depois, deverá seguir para o Rio de Janeiro. Sem saber que foram os mentores da ideia, Joaquim e Benício, que agora também é fã do desenho, já começaram a comemorar. "Eles sabem que o Charlie e a Lola, de verdade, estão vindo para o Brasil e estão muito animados", diz Huck.

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS