- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


passarela
De Madonna à realeza
A estilista brasileira Daniella Helayel já conquistou Madonna e Kate Moss com os vestidos femininos e as estampas de sua grife Issa e sonha em vestir a rainha Elizabeth II

TEXTO BIANCA ZARAMELLA

FOTO JUCA RODRIGUES/ AG. ISTOÉ
''Eu dizia que se um dia fosse fazer roupinhas, queria vestir a Madonna. De repente, lá estava ela com um dos meus vestidos na tevê'' DANIELA HELAYE

Ela nasceu no Brasil, montou sua grife Issa na Inglaterra mas é na Tailândia que a estilista fluminense Daniella Helayel, de 35 anos, coleciona suas melhores histórias. Em dezembro de 2008, quando embarcou para uma das paradisíacas praias do país onde passaria as festas de final de ano entre amigos, não imaginava que a top model inglesa Kate Moss remexeria em sua bagagem atrás de um modelito da Issa. "Quando percebi, lá estava Kate Moss mexendo na minha mala para escolher vestidos. Foi o melhor presente de Natal que eu tive", conta ela, que há anos tentava sem sucesso vestir a modelo que mora na mesma cidade, Londres. Kate chegou à suíte de Daniella acompanhada de uma amiga em comum da brasileira, que queria um dos cobiçados kaftãs da Issa, para usar na praia. A top inglesa não resistiu aos modelitos e saiu com um deles debaixo do braço.

MADONNA é fã dos vestidos tradicionais da Issa

A tragédia do tsunami na Tailândia também deu uma guinada na carreira da estilista. Naquele fatídico 26 de dezembro de 2004, Daniella estava numa sessão de massagem no spa Chiva Som, em cima de um penhasco, quando ouviu o estrondo da onda gigante invadindo tudo. "Achei que era uma tempestade. Depois da massagem, resolvi andar na praia. Foi só então que vi o estrago" conta a estilista. Quinze dias após o episódio, Madonna surgiu usando um modelo da grife Issa num especial da tevê americana, para angariar fundos para as vítimas do tsunami. "Não acreditei. Pensava nisso quando era criança, dizia que se um dia eu fosse fazer roupinhas queria vestir a Madonna. Sabe aquela coisa de sonho? De repente, lá estava ela com um dos meus vestidos na tevê."

Daniella diz que sua aproximação com a estrela pop começou tempos antes, de maneira despretensiosa, por meio de uma amiga relações públicas de uma loja, que incentivou a brasileira a enviar dois vestidos com uma carta para Madonna. "Não lembro o que escrevi, era apenas um bilhete me apresentando", conta. Ela e Madonna foram apresentadas tempos depois, num jantar organizado em torno de um dos gurus da cabala. "Fiquei nervosa como uma criança. Ela foi muito simpática", lembra a brasileira, que hoje veste frequentemente sua musa. Antes da recente temporada brasileira no final de março, onde veio fazer pesquisas para uma nova coleção de biquínis, a estilista enviou seis vestidos a Madonna. A estrela gosta dos modelos tradicionais de Daniella. "São sempre os mesmos: de manga curta ou longa com o comprimento na altura do joelho e um pequeno ajuste no decote. Ela sempre pede para fechar um pouquinho", descreve.

Decote e cores para EVA MENDES
NICOLE RITCHIE com um modelo estampado
PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>


Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS