- Anuncie
- Assine

 
 
 
Música // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


MPB
Festas para o Rei
Shows, exposição, turnê, musical e CDs celebram os 50 anos de carreira de Roberto Carlos

Mauro Ferreira

ANA CECÍCILIA ACIOLI/AG.ISTOÉ

Em 26 de maio, 14 cantoras brasileiras - entre elas, Gal Costa e Marisa Monte - vão se reunir no Teatro Municipal de São Paulo no show intitulado Elas Cantam Roberto Carlos. O espetáculo, que terá uma única apresentação e a participação do cantor, faz parte do ciclo de eventos idealizados para festejar os 50 anos de carreira de Roberto Carlos, que gravou seu primeiro compacto em 1959. Em 11 de agosto, no Ginásio do Ibirapuera (SP), será a vez de grupos de rock como Skank e Jota Quest cantarem músicas do Rei no show Roberto Carlos Rock Symphony. O calendário de homenagens começa neste mês de abril - com a estreia da nova turnê nacional do cantor dia 19 em Cachoeiro de Itapemirim (ES) - e se estende até março de 2010, incluindo exposição e discos.

O primeiro lançamento fonográfico chega em maio. Trata-se de CD e DVD que compilam duetos gravados pelo artista com nomes como o tenor Luciano Pavarotti (1935 - 2007). Para o fim do ano está previsto um álbum de inéditas que vai apresentar três novas parcerias de Roberto e Erasmo Carlos. É mais um capítulo da trajetória que será contada através de imagens e relíquias (como o calhambeque que inspirou a música homônima de 1963) na exposição que vai ser inaugurada em janeiro de 2010 na Oca, do Parque Ibirapuera (SP). Dois meses mais tarde, em março, a dupla Charles Möeller e Cláudio Botelho estreia no Rio musical inspirado no cancioneiro do Rei enquanto duplas como Zezé Di Camargo & Luciano festejam Roberto no espetáculo Emoções Sertanejas. Enfim, haverá emoções de sobra para os súditos ao longo do ano.

Sonoras

Tigra, Luciana Pestano
Em seu segundo álbum, a roqueira gaúcha de voz rouca exibe a atitude que falta na cena pop dominada por bandas produzidas em escala industrial. Efeitos eletrônicos e guitarra turbinam dez inéditas autorais urdidas por time de produtores que inclui Marcos Cunha, Rodrigo Campello e Herbert Vianna, convidado da balada "Entre Você e Eu". O repertório destaca "Trovão" e "A Loca".

 

Álbum de Retratos, Rosa Emília
Cantora brasileira radicada na Itália, Rosa Emília enfoca os versos poéticos de Cacaso (1944 - 1987), um dos melhores letristas da MPB. A intérprete recrutou Joyce, Sueli Costa e Zé Renato, entre outros, para fazer participações no disco. "Dona Doninha", "Clarão" (em duo com Olivia Byington) e "Triste Baía da Guanabara" são exemplos do tom delicado do disco.

 

 

Years of Refusal, Morrissey
O nono álbum de inéditas do cantor se diferencia em sua discografia solo pela predominância das guitarras em boa parte das músicas. Ironicamente, a faixa que mais remete ao grupo The Smiths, "I'm Throwing my Arms around Paris", se insinua como uma das mais belas de disco roqueiro que também flerta com a música mexicana ("When Last I Spoke to Carol").

 

AG.NEWS

 

Top 5 Patricia Maldonado

A apresentadora da Band é fã do pop nacional e escolheu suas cinco canções preferidas:

"Não Precisa Mudar", Ivete Sangalo
"Carta de Amor", Jota Quest
"Vai Saber?", Marisa Monte
"Tá Perdoado", Maria Rita
"Eu Te Devoro", Djavan

 

 

 

 

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS