- Anuncie
- Assine

 
 
 
Música // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


ELETRÔNICO
Invaders Must Die
Pioneiro da fusão de rock com dance music, o grupo britânico Prodigy recupera a energia dos áureos anos 90

PAUL DUGDALE
Quinto álbum do The Prodigy chega para animar as pistas
EM 2004, ao lançar seu quarto álbum de estúdio, Always Outnumbered, Never Outgunned, o grupo britânico The Prodigy parecia distante de seus tempos de glória. Mas eis que Invaders Must Die, recém-editado no Brasil logo após ter escalado rapidamente as paradas inglesas, põe de novo a banda na pista com força. Nada inovador, o álbum parece situado em algum lugar dos anos 90 - década em que o Prodigy imperou nas raves com sua fusão de rock e música eletrônica. Contudo, é grande a energia deste CD que honra os áureos tempos da banda, projetada em escala mundial em 1997 com o álbum The Fat of the Land.

Em repertório coeso, "Take me to the Hospital" consegue se impor pelos beats frenéticos. Está entre as melhores criações do The Prodigy.

PAUL DUGDALE
A faixa-título, "Invaders Must Die", de vocais robóticos, é outro petardo certeiro nas pistas. Já "Run with the Wolves" ganha natural destaque por conter o toque firme da bateria de Dave Grohl, do Foo Fighters. Mas o fato é que o disco não perde o pique ao longo de suas 11 faixas. E ainda surpreende positivamente ao terminar com um tema de ambiência psicodélica, "Stand up", fecho de ouro para um CD que mostra que Keith Flint (voz), Liam Howlett (teclados) e Maxim Reality (MC e vocal) ainda vão fazer muita gente sacolejar nas pistas.
Mauro Ferreira
★★★★



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS