- Anuncie
- Assine

 
 
 
Televisão // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 

 


Em nome da moda
A modelo Isabella Fiorentino deixou a rotina de casada em Miami e adiou os planos de maternidade para apresentar o programa Esquadrão da Moda no SBT

TEXTO BRUNO DEMINCO FOTO WALDEMIR FILETTI/AG.ISTOÉ

O tão sonhado projeto de engravidar em 2009 teve que ser adiado. Alguns prazeres da vida de casada, como cozinhar para o marido, o empresário Stefano Hawilla, também foram temporiamente suspensos. Até de país Isabella Fiorentino precisou trocar nos últimos tempos. Deixou a casa em Miami, nos Estados Unidos, onde estava morando com o marido, para voltar a ocupar provisoriamente o quarto de solteira na casa da mãe, em São Paulo. Tantos esforços em nome da moda. A modelo paulistana, que vai comandar a partir da terçafeira 3 o programa Esquadrão da Moda no SBT, não se importa com as reviravoltas em seus planos e está curtindo a guinada na carreira. "Quero poder me dedicar 100% à gravidez. Não quero ficar a mil por hora, estou esperando esse momento há tantos anos, quero aproveitar com calma", explica. A modelo e apresentadora diz ainda sentir falta da rotina de casada que levava em Miami, apesar das constantes visitas de Stefano a São Paulo. "Adoro cozinhar para meu marido. Antes, a gente saía muito para jantar fora, mas eu aprendi umas receitas com minha mãe que são incríveis", conta. No entanto, os românticos jantares caseiros não demorarão para voltar a fazer parte do dia-a-dia do casal. Nos intervalos das gravações de Esquadrão da Moda, Isabella busca um apartamento na capital paulista.

Na tevê, ao lado do stylist Arlindo Grund, ela vai usar um tratamento de choque para reformular o armário equivocado de algumas brasileiras malvestidas, a exemplo da atração americana. Com direito a cenas divertidas, como jogar as roupas inapropriadas das participantes no cesto do lixo. Para a nova missão, os anos de experiência no mundo fashion não foram suficientes. Isabella chegou a fazer um curso especializado com a consultora de imagem Ilana Berenholc. "Seria muito fácil vesti-las bem e pronto. Mas o grande desafio é fazer com que essas mulheres se olhem no espelho e tenham consciência do que devem ou não devem usar", conta. Para ela, um dos princípios básicos é que cada uma respeite as proporções de seu corpo e seu estilo de vestir. "Quem tem um quadril muito largo, por exemplo, deve procurar equilíbrio, aumentando a estrutura do ombro para disfarçar a parte de baixo. São coisas simples, mas que fazem toda diferença", ensina. Isabella, quem diria, também tem seus truques para estar sempre elegante. "Eu sou meio encanada com os meus ombros e braços, que acho muito magrinhos, então uso sempre blusas que tenham mangas bufantes para tentar disfarçar", revela.

Apesar de ter todas as lições de elegância na ponta da língua, ela promete não sair por aí apontando os erros e acertos de todo mundo. Até mesmo com as amigas mais próximas, Isabella mostra muita delicadeza na hora de fazer qualquer tipo de comentário fashion. "Se a amiga não perguntar, não falo nada. Mas caso pergunte, digo que está um pouco curto demais, ou, que se fosse ela, colocaria uma saia mais comprida. Toques desse tipo", conta a sempre elegante Isabella.

"O grande desafio é fazer com que essas mulheres se olhem no espelho e tenham consciência do que devem ou não devem usar"

 



Copyright © 2009 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS