- Anuncie
- Assine

 
 
 
Reportagens // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 







Premiação
Oscar carioca
No encerramento do festival do Rio, filme do estreante Matheus Nachtergaele Ganha dois troféus e atores brilham no tapete vermelho

TEXTO MACEDO RODRIGUES

Leandra Leal, Camila Pitanga e Murilo Rosa comemoram o prêmio a Daniel de Oliveira, melhor ator por A Festa da Menina Morta

“Eu fiz uma aposta com o Dani que cantaria uma música, e vou cantar”, disse, emocionado, Matheus Nachtergaele na noite da quintafeira 9, ao subir ao palco do Cine Odeon, no Centro do Rio, para receber o prêmio de melhor diretor de ficção do Festival do Rio 2008 pelo filme A Festa da Menina Morta. O Dani, a quem Matheus se referia, era o ator Daniel de Oliveira, que, de quebra, abocanhara o troféu de melhor ator para a produção de Nachtergaele. Entre sorrisos e lágrimas, o ator e diretor entoou baixinho alguns versos de uma música de Dorival Caymmi. Foi o bastante para receber uma enxurrada de assobios e calorosas palmas da platéia que lotava o cinema naquela fria noite de primavera carioca. Outro vencedor da noite foi José Eduardo Belmonte. Seu filme, Se Nada Mais Der Certo, levou os prêmios de melhor longa e de melhor atriz, para Caroline Abras.

A emoção, a alegria e a descontração de Matheus e de Belmonte deram o tom da noite de encerramento do Festival, após duas semanas de maratona cinematográfica. Nem mesmo o frio e a chuva afugentaram as celebridades que bateram ponto para prestigiar o evento. Malu Mader, que também concorria com o documentário Contratempo, chegou ao cinema na companhia do marido, o músico Tony Bellotto. “Estou muito feliz do meu filme concorrer, mas vim preparada para aplaudir quem vencer”, disse, minutos antes de entrar para assistir à premiação.

Carolina Dieckmann e Tiago Worcman na platéia de Romance

Na platéia lotada, Grazi senta no colo de Cauã, que comemorou o prêmio do longa Se Nada Mais Der Certo, estrelado por ele

Cauã Reymond chegou cedo para acompanhar de perto o desempenho do longa Se Nada Mais Der Certo, do qual é protagonista. Antes mesmo de ser perguntado sobre a namorada, a atriz Grazi Massafera, foi avisando. “A Grazi já vem, ela tá gravando.” Solidário, ele esperou a amada do lado de fora enquanto lá dentro a sala começava a lotar. Pouco depois chegava Grazi, esbaforida. Vinha direto do Projac, onde gravara cenas de Negócio do China. Abraçadinhos eles entraram e não se importaram de precisar dividir uma única poltrona nos últimos lugares do cinema.


PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | 4 | Próxima >>

Copyright © 2008 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS