- Anuncie
- Assine

 
 
 
Televisão // Home
 
- Edição Atual
- Anteriores
 
- Imagens
- Frases
- Urgente
- Moda
- Estilo
- Fernanda Barbosa
- Paulo Borges
- Agito
- Aconteceu
- Celebridade
- Reportagens
 
- Cinema
- Música
- Livros
- Teatro
- Gastronomia
- Televisão
 

Atualize-se com a
IstoÉ Gente!




- Fale Conosco
- Expediente
- Anuncie
- Assine
- Loja 3
 







Lipstick Jungle
Brooke Shields brilha como uma executiva em história da mesma autora de Sex and the City

QUATRO ANOS DEPOIS do fim de Sex and the City, o canal Fox estréia dia 25, às 22h, a série que tem a missão de preencher a lacuna deixada por Carrie e suas amigas. Lipstick Jungle chega com a moral de ser inspirada em novo romance de Candace Bushnell, a mesma autora de Sex. Não vai se decepcionar quem espera por conversas sobre o sexo oposto ou por belas roupas de grife. Só não conte com o irreverente humor do original. O clima é dramático e o estilo narrativo beira o novelesco. A novidade é a mudança no enfoque. Homens e lojas fazem parte da vida da trinca central, mas o que movimenta a trama é a carreira profissional. Detalhe: elas figuram na lista das 50 mais poderosas de Nova York.

Brooke Shields encabeça o elenco como Wendy, presidente de um estúdio de cinema. É amiga inseparável de Nico (Kim Raver), a editora-chefe de uma revista de moda, e da badalada estilista Victory (Lindsay Price). Os sete episódios da primeira temporada exploram os desafios das personagens para ficar no topo e ainda conseguir coordenar trabalho e família. É um vale-tudo, com traições e falcatruas dignas de novela das oito. Andrew McCarthy se destaca na pele de um bilionário sedutor. A segunda temporada está confirmada, mas a produção terá de sair do lugar-comum se quiser que as superexecutivas tenham vida longa. Suzana Uchôa Itiberê

Fotos: DIVULGAÇÃO
As personagens da série figuram na lista das mais poderosas de NY

Copyright © 2008 - Editora Três Ltda. - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução total ou parcial deste website, em qualquer meio de comunicação, sem prévia autorização.
ContentStuff Media Solutions | Gestão de Conteúdo | CMS