Celebridade • Home• Revista 21/8/2007
Daniel Filho
por Aurora Aguiar

Em 1988, o ator Daniel Filho foi para detrás das câmeras dirigir a minissérie O Primo Basílio, sucesso na Rede Globo. Já era um consagrado diretor quando foi escalado para levar a obra de Eça de Queiroz (1878) para o público televisivo. Quase duas décadas depois, o diretor volta ao clássico literário, agora numa releitura para o cinema. Em 10 de agosto, estreou o longa homônimo, que conta com um elenco de peso: Reynaldo Gianecchini, Fábio Assunção, Gloria Pires e Débora Falabella. O filme é mais uma aposta na bem-sucedida carreira do ator, diretor e também produtor. À frente da sua produtora Lereby e associado à Globo Filmes, ele assinou sucessos como Se Eu Fosse Você, com 3,5 mil espectadores, recordista de público em 2006. Um novo rumo numa carreira iniciada em 1952. Seu currículo conta ainda com grandes momentos, como a direção da novela Dancin’ Days , sucesso no início dos anos 80. Como ator, ele brilhou na tevê, na novela Que Rei Sou Eu (1989), e no cinema, em filmes como Boca de Ouro (1963), baseado na obra de Nelson Rodrigues.