CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 REPORTAGENS
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 CELEBRIDADE
 EXCLUSIVAS
 INTERNACIONAIS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA
 

12/03/2001

TELEVISÃO

DÉBORAH EVELYN
Lições da vida real
A atriz, que faz análise para não exagerar nas emoções, mergulhou na realidade dos deficientes físicos para viver personagem em Um Anjo Caiu do Céu

Márcia Montojos

Para viver a deficiente física Virgínia em Um Anjo Caiu do Céu, a atriz Déborah Evelyn, 35 anos, mergulhou numa realidade que desconhecia. Além de assistir a vídeos sobre o tema, conviveu com uma fisioterapeuta que há alguns anos perdeu as duas pernas em um acidente de carro.

A experiência surpreendeu Déborah, que esperava conhecer uma pessoa infeliz, como sua personagem. Porém, encontrou uma mulher que soube superar o trauma e que tenta levar uma vida normal, namorando e usando roupas curtas. “Ela é maravilhosa. Foi uma verdadeira lição de vida”, diz.

Ir fundo na composição de suas personagens é uma lição que Déborah aprendeu em casa. Sobrinha da atriz Renata Sorrah, ela não nega a influência da tia quando optou pela profissão de atriz. Também foi Renata que a levou pela primeira vez a uma gravação de novela: Brilhante, em 1981. Um ano depois entrou para a Escola de Artes Dramáticas, na USP.

A intensidade também é uma característica presente na sua vida afetiva. Com 14 anos, começou a sofrer de anorexia por causa de uma paixão não correspondida por um professor. “Sofri durante dois anos. Só melhorei com a análise”, conta Déborah, que continua na terapia. “Me ajuda a não exagerar nas minhas emoções”, teoriza.

Casada com o diretor Dênis Carvalho há 12 anos, ela pretende engravidar ainda em 2001 e prevê uma pausa na carreira. “Gosto de lamber a cria”, diz ela, que tem uma filha, Luiza, de 7 anos, com o diretor. “O Dênis é superbrincalhão. Cabe a mim a tarefa mais dura, a de educar”, diz. Dênis Carvalho já tinha três filhos e seis ex-mulheres, quando se casou com Déborah. Mas ela diz não ter tido medo do desafio. “Não pensei em nada, estava superapaixonada”, explica. Hoje todos convivem em harmonia. “Somos uma grande família”, resume.

Comente esta matéria

 

ENQUETE
Você faria o teste para detectar o vírus da aids:
• Para viver tranquilamente
• Como prova de amor ao parceiro
• Não faria, pois tem medo
• Nunca pensou nisso
• Faz o teste periodicamente
:: VOTAR ::
 
FÓRUM I
O que você achou da decisão da top Gisele Bündchen de abandonar as passarelas?
 
FÓRUM II
Quais são as suas expectativas em relação ao herdeiro político de Covas, Geraldo Alckmin?
 

Teste os seus conhecimentos sobre as celebridades
 
TARÔ ONLINE

É fácil, rápido
e inspirado: experimente!
 

Horóscopo

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A
NEWSLETTER

| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2001 Editora Três