CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 MULTIMÍDIA
 SEÇÕES
 REPORTAGENS
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 EXCLUSIVAS
 INTERNACIONAIS
 INTERNET
 CLICK
 QUIZ
 BUSCA
 
 

26/02/2001

Por Marcelo Zanini

Zé Ramalho

Em 1969, para esconder o corte americano (ou reco), já que servia o Exército, Zé Ramalho usava peruca em seus shows de fim-de-semana em João Pessoa. Hoje, aos 50 anos, ele prepara-se para realizar um sonho. O cantor e compositor está gravando o CD Tributo a Raul Seixas

Reprodução e David Helman

Não teve jeito. Ao completar 18 anos, o paraibano José Ramalho Neto não escapou do Exército. Em 1969, ele serviu num quartel em João Pessoa, a 400 quilômetros de Brejo da Cruz, onde nasceu.

Mas, nas folgas, Zé Ramalho dedilhava sua guitarra num conjunto com mais dois amigos. A banda, que nem nome tinha, se apresentava na boate Calamares. Ninguém na época usava cabelo curto e, por isso, Zé Ramalho resolveu arrumar uma peruca para não parecer “reco” em suas noites de galã. “Queríamos ser como nossos ídolos. Era o auge dos Beatles, da Jovem Guarda...”, diz.

O início da nova carreira não foi fácil. Zé conta que se relacionou com mulheres em troca de dinheiro até conseguir gravar o primeiro disco. “Não era pagamento e sim uma troca”, diz. O tempo passou, o cabelo cresceu e, em 1976, ele se tornou famoso. Resolveu então revelar tudo sobre aquela época na música “Garoto de Aluguel”, de 1981. Hoje, aos 50 anos e 25 de carreira, Zé Ramalho realiza um grande sonho: “Vou lançar o CD Tributo a Raul Seixas”, diz. Enquanto isso, fará shows em João Pessoa, no Carnaval.


Horóscopo
ENQUETE
Qual é a sua musa preferida:
::Votar::
 
FÓRUM
O que você achou da história do ex-homossexual Paulo Trindade Júnior, que voltou a assumir a identidade masculina após tornar-se evangélico?

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A
NEWSLETTER


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2001 Editora Três