CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 MULTIMÍDIA
 SEÇÕES
 REPORTAGENS
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO
  SECULO
 EXCLUSIVAS
 INTERNACIONAIS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA


Televisão

Gallo pagou o pato
Após a tumultuada saída de Adriane Galisteu da Rede TV!, Rogério Gallo, namorado da apresentadora, é acusado
de trair a emissora, demitido do cargo de superintendente, e perde salário de R$ 90 mil

Edwin Paladino

Cláudio Gatti
“A Rede Record é mais um degrau para onde eu quero chegar", diz a apresentadora

Os diretores da Rede TV! resolveram colocar, na segunda-feira 9, um ponto final no turbulento capítulo da saída de Adriane Galisteu da emissora: demitiram Rogério Gallo, o superintendente artístico e namorado da ex-apresentadora do programa Superpop. “Ele não goza mais de nossa confiança”, disse Marcelo Carvalho, vice-presidente da Rede TV!, durante uma reunião da diretoria.

A cúpula da Rede TV! sentiu-se traída. Ninguém acredita que Gallo desconhecesse as negociações da transferência da loira para a Rede Record, consumada no último dia 2. “Acho um absurdo puni-lo ou me punir através dele”, reagiu Adriane à demissão. “Não entendo as fofocas envolvendo o nome do Rogério. Se querem fazer fofoca, façam comigo. Eu estou saindo.”

Cláudio Gatti
“Os donos da Rede TV! são inexperientes em tevê. O mérito é todo do Rogério"

Rogério Gallo foi comunicado do afastamento, por telefone, pela manhã. À tarde, reuniu-se com Amilcare Dallevo Jr., presidente da Rede TV!, e Marcelo Carvalho, vice-presidente. Enquanto o namorado perdia o cargo e o salário mensal de R$ 90 mil, Adriane dava os últimos arremates no novo programa, ainda sem nome definido, que deve estrear no próximo dia 23, em horário nobre, às 20h30. E preparava as malas para embarcar, horas depois, para as férias de dez dias em Orlando, na Flórida, em companhia da mãe. “Os donos da Rede TV! devem ter ficado nervosos com a situação”, diz Galisteu. “Não sei por que tanta confusão em uma troca de emissora.” Até a terça-feira 10, o destino profissional de Gallo permanecia incerto.

A vaga aberta na Rede TV! não será preenchida por um só nome. A cúpula da emissora decidiu formar três núcleos artísticos para manter a qualidade da programação antes gerenciada por Rogério Gallo. Segundo Marcelo Carvalho, da competição entre eles, poderá sair um superintendente. “Será uma disputa saudável”, avisa. Estão no páreo Carlos de Freitas, ex-Globo, Eraldo de Abreu, superintendente-geral de produção da Rede TV!, e Maurício Nunes, atualmente no SBT, mas que deve começar na emissora em dezembro. Os três receberam a missão de reorganizar a programação depois da saída abrupta da loira.

Gallo garantiu à Gente, na terça-feira 3, que não soube com antecedência dos planos da namorada de mudar para a Rede Record. Procurado após a demissão, não foi encontrado. Aos 33 anos, era dono de um dos cargos mais importantes dentro da Rede TV! e um dos responsáveis pela popularidade e crescimento da emissora, que assim como o romance, está completando 10 meses. Na opinião de Galisteu, o sucesso da Rede TV!, criada a partir da falência da Rede Manchete, deve-se ao talento do namorado. “Graças a ele a emissora foi para frente”, disse horas antes de embarcar para os Estados Unidos. “Os donos da Rede TV! entendem de plataformas e telefonemas. Eles são inexperientes em tevê. O mérito é todo do Rogério.”

Neste curto período, a Rede TV! conquistou algumas estrelas da televisão brasileira. Entre elas, a jornalista Marília Gabriela, que deixou os estúdios de Silvio Santos para apresentar um programa de entrevistas diário, além de tirar da MTV a própria Galisteu. Hoje, a emissora atinge picos de 10 pontos de audiência na região da Grande São Paulo.

A sorte de Rogério Gallo começou a ser selada no dia 27 de setembro, quando Amilcare Dallevo e Marcelo Carvalho souberam das negociações de Galisteu com a Record pela a imprensa. “Li a reportagem em uma revista semanal”, conta Carvalho. As primeiras sondagens para a troca de emissora aconteceram há dois meses, quando a rede do bispo Edir Macedo a procurou e fez uma proposta de trabalho, contou Galisteu à Gente. Na ocasião, a apresentadora telefonou a Rogério Gallo para falar do convite. “Existe uma proposta da Record que mexeu comigo”, disse ela. No mesmo dia, Gallo avisou os donos da Rede TV!. Na época, porém, as negociações não prosperaram.

Multa de R$ 1 milhão Na quarta-feira 27 de setembro, a Record voltou à carga com força total. A emissora do bispo queria a apresentadora “com uma certa pressa”. Por intermédio de Gallo, Adriane marcou um encontro com os donos da Rede TV! para tratar do assunto. No dia seguinte, no escritório de Dallevo Jr., Galisteu, Sérgio D’Antino, advogado e empresário da apresentadora, Gallo e Carvalho reuniram-se a portas fechadas durante mais de duas horas. “Eles já sabiam de tudo antes”, diz Galisteu. Marcelo Carvalho admite que tinha conhecimento da proposta, mas não do avanço das negociações. “Há dois meses, falamos com a Record, que desfez o convite. Depois disso, o assunto morreu”, disse o vice-presidente.

A apresentadora diz, porém, que as conversas com a Record não eram novidade na Rede TV!. Por isso, as declarações de Marcelo Carvalho à Gente, que na terça-feira 3 chamou a apresentadora de antiética e não profissional, deixaram Adriane perplexa: “Não entendi o tom agressivo dele. Um dia antes, ele havia assinado um documento de distrato absolutamente amigável”. A Rede TV! recebeu aproximadamente R$ 1 milhão pela rescisão do contrato de Galisteu. “Marcelo Carvalho está mostrando uma fragilidade incrível com a minha saída, que me deixa muito honrada. Afinal, comecei na tevê há pouco tempo”, alfineta a loira.

Para a ambiciosa Adriane Galisteu, a transferência para a Record, emissora presente em todo o território nacional, é um passo adiante na curta e bem sucedida carreira televisiva dela. “A Rede Record é mais um degrau para onde eu quero chegar. E quero disputar os domingos, mas ainda não é o momento.” O salário, que pode chegar a R$ 150 mil, é o outro atrativo. “Não gosto que as pessoas fiquem me relacionando só com o dinheiro. O fato é que busco sempre o bom trabalho. E o bom trabalho é sempre bem remunerado.”

 

Leia Também

Renée de Vielmond:
Em busca do
tempo perdido

Da cadeia
para a fama

Orgulho
da mamãe

Gallo
pagou o pato

O gago mais
famoso do Rio

Internética,
sem véu

Um salto
para a fama

No banheiro com
Monique Evans

O camaleão da
música popular

Pepê e Neném:
Uma história
de cinema

Horóscopo

ENQUETE
Qual das musas você prefere?
Feiticeira
Tiazinha
Internética
FÓRUM
O que um artista deve fazer para conduzir a carreira e não se distanciar da "normalidade"?

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A
NEWSLETTER

| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três