CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 MULTIMÍDIA
 SEÇÕES
 REPORTAGENS
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO
  SECULO
 EXCLUSIVAS
 INTERNACIONAIS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA


Vôlei

A segunda pátria de Ana Paula
Mineira de Governador Valadares defende a seleção italiana nos Jogos Olímpicos de Sydney

Renata Matta Machado

Carlos Giuliani/Reprodução
Ana Paula de Tassis é estrela no vôlei italiano: na próxima temporada, por US$ 150 mil, ela jogará pelo Nápoli

A seleção italiana de vôlei que disputa os Jogos Olímpicos de Sydney conta com uma brasileira. Mineira de Governador Valadares, Ana Paula de Tassis, 35 anos, já planejava a despedida das quadras, depois de atuar por quase uma década naquele país. No início deste ano, porém, surgiu o inesperado convite no epílogo de sua carreira. O técnico Angiolini Frigoni convocou-a para defender a Azzurra na competição. Naturalizada, aceitou o desafio, sem hesitação. Nesse instante, imaginou-se num confronto hipotético com o time verde-e-amarelo. E sentiu uma pequena pontada no coração. “Como seria escutar o Hino Nacional do Brasil estando do outro lado da quadra?”, questionou. A fantasia virou realidade no Grand Prix da Ásia, em julho. “Na hora do hino me deu um pouco de saudades, mas depois foi natural, embora eu tenha jogado mal”, diz a jogadora, por e-mail.
Na Itália, Ana Paula é De Tassis. Lá, a atleta de 1,79m e 73 quilos é estrela de primeira grandeza. Depois das Olimpíadas, deixará Roma para defender a equipe de Nápoli, por um contrato de US$ 150 mil, mais apartamento, carro e outras mordomias. A troca doeu. Na capital romana, ela era reconhecida nas ruas, dava autógrafos em qualquer lugar que fosse e arregimentou uma legião de tietes. Apesar da mudança de ares, manteve a casa montada. É ali que pretende aproveitar os momentos de folga. E pode ser ali que se estabelecerá futuramente. “Minha irmã tem planos de continuar morando por lá depois de encerrar a carreira”, diz Christiane de Tassis, 32.

Ademar Corcínio
Anita, a mãe, em Governador Valadares: torcida à distância

A relação de amor entre Ana Paula e a Itália iniciou-se em 1991. Era uma época em que o Brasil sofria os efeitos do Plano Collor. Sem time para jogar e com os patrocinadores afugentando-se do esporte, foi seduzida pela proposta do Yogi Ancona – depois de passar pelo Minas Tênis Clube, Pão de Açúcar, Pirelli e Transbrasil. Defendeu ainda a seleção brasileira juvenil e ficou cinco meses concentrada com a adulta. “O corte foi uma desilusão”, relembra. Embarcou para a Europa com o objetivo de ficar um ano. Acabou ficando dez. Antes de viajar, no entanto, teve de vencer uma resistência familiar. Anita, a mãe, só permitiu que fosse embora casada com o então namorado Douglas. “Minha filha casou, conseguiu a cidadania italiana e mudou em 20 dias”, revela Anita, 68, uma ex-jogadora de vôlei. A união durou cinco anos. “Ele era muito ciumento”, diz a mãe.

A jogadora, que não completou o curso de engenharia química e tornou-se campeã brasileira infanto-juvenil de salto em altura, com a marca de 1m72, quando tinha 15 anos, não tem mágoa do País que a ignorou. “Não me decepciono facilmente”, avisa. “Certas escolhas têm um preço. A minha é de jogar pela minha segunda pátria”, admite. Hoje solteira e apoiando-se na companhia de Brigitte, uma cadela setter irlandesa, ela sonha com a maternidade. Só não sabe quando. “O neném virá no momento certo.”

 

Leia Também

A hora de tirar

A segunda pátria
de Ana Paula

Cozinha em chamas

Crise superada

A hora da estrela

Modelo de
gata borralheira

O doutor está
na novela

A pobre menina rica

Peitos em evidência

Perry Salles:
Ex-marido de Vera Fischer supera depressão

“Eu estou
enxergando”

A primeira
tentação da tevê

A praia do tenente

Prata movida
à gemada

Horóscopo

ENQUETE
Você acha que Claudete Troiano passou Cátia Fonseca para trás na Record?
Sim
Não
FÓRUM
O que você acha de artistas que, apesar dos riscos, abusam das próteses de silicone?

EDIÇÕES
ANTERIORES

ESPECIAIS
MULTIMÍDIA
BATE PAPO
ASSINATURAS
EXPEDIENTE
PUBLICIDADE
FALE
CONOSCO
ASSINE A
NEWSLETTER


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três