CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

Televisão

O inferno astral de Faustão
Derrotas consecutivas na audiência, brigas com a produção, ressaca do divórcio e confusões com namoradas tumultuam a vida do apresentador do Domingão, que custa a encontrar o caminho de volta para o sucesso

Paula Quental

Foto: Kiko Cabral
“Falta agilidade e jornalismo ao Domingão, que parece gravado”, diz Eduardo Lafon, do SBT

CONCURSO ADIADO Gleiser nega qualquer preconceito, mas a imagem que fica é de desorganização, reforçada por outros episódios que desrespeitam participantes e demonstram o quanto a equipe está perdida. O concurso Novos Talentos, apresentado desde o início do ano, foi tirado do ar, há um mês, quando estava na etapa final. Nenhuma explicação foi dada. Quatorze finalistas entre 33 mil inscritos apostam o destino de suas carreiras no concurso e aguardam ansiosos a volta do quadro. A eles foi garantida a gravação de um CD coletivo com 14 faixas e ao vencedor, a oportunidade de ter um disco solo. As etapas classificatórias previstas para os próximos programas não têm data para voltar. “Adiaram a nossa apresentação e estou esperando um contato”, diz Elizabeth Ávila, do interior de São Paulo. Concorrente de Goiânia, Valéria Costa também aguarda preocupada: “Ninguém sabe dizer a data em que voltarei a me apresentar”. Programada para o início de agosto, a volta da promoção Caminhão do Faustão, um negócio de R$ 10 milhões, também está indefinida. A direção do programa diz que a promoção retorna até o fim de agosto, mesmo sem patrocinador definido. A Arcor, empresa argentina que poderá patrocinar o quadro, não confirma se o contrato está de pé.

Na procura de explicações para o baixo Ibope, os auxiliares de Faustão encontram um vilão: o futebol. Os últimos jogos empurraram Faustão para depois das 16h30, horário em que o Domingo Legal já estaria aquecido, uma vez que entra no ar às 15hs. Outra desculpa seria o desempenho do programa Megatom, de Tom Cavalcante, que antecede a atração e também perde para Gugu. No último domingo, no entanto, os dados do Ibope desmentiram essa versão: o Megatom acabou com 22 pontos, e cinco minutos depois de iniciado o Domingão, a audiência despencou para 14.

O LADO BOM DA CRISE Na emissora de Silvio Santos, nunca se brindou tanto. Para o superintendente artístico do SBT, Eduardo Lafon, o programa de Faustão corre perigo por questões técnicas. “Ele não tem sido feliz em suas mudanças. O Gugu altera a programação de acordo com o Ibope, na hora. Simplesmente não tem roteiro, enquanto que o Domingão, com seus quadros fixos, não se diferencia de um programa gravado”, alfineta. “Falta agilidade e um pouco de jornalismo.”

Mesmo com todos os problemas, Faustão identifica um lado bom na crise. A pessoas próximas, ele se diz satisfeito por ter mais espaço para soltar o verbo e fazer entrevistas. De alguma forma, realiza o sonho de discutir temas mais sérios. Isso foi possível com a troca da direção do programa desde 15 de junho. Alberto Luchetti, que passou a comandar o novo programa de Sérgio Groissman, foi substituído por Luiz Gleiser. “Faustão adora abordar questões de comportamento”, comenta um dos integrantes da produção do programa.

Na vida pessoal, rumores de triângulo
amoroso e paixão não correspondida
Desde que se separou de Magda Colares, Fausto evitou aparecer em público com namoradas. Mas não conseguiu evitar comentários sobre uma possível paixão por Maria Fernanda Cândido (1). Na vida de solteiro, tem tido a companhia de duas assistentes de palco. No show de Simone, em São Paulo, ele foi flagrado com Fernanda Agnes (2). A modelo Flávia Rosalén, também sua assistente, é apontada como a segunda namorada (3). Elas negam o envolvimento, mas um amigo do apresentador garante que as duas disputam o coração de Faustão.

NAMORADAS Há quem acredite que a Globo está dando corda para Faustão se enforcar. “Gleiser faz o que Fausto quer. A Globo vestiu nele uma saia justa. Se não der certo, ele será o culpado”, diz uma executiva da emissora. O apresentador não só conquistou mais poder na nova gestão como teve responsabilidade na saída de Luchetti. “Houve um desgaste de dois anos e meio de relacionamento entre os dois e ele pressionou para que Luchetti fosse afastado”, conta um amigo. Na gestão de Luchetti, Faustão era contido em seus comentários mais elaborados, restringindo-se às tiradas de humor. Mas o apresentador queria o contrário.

O momento difícil de Faustão se completa com uma confusão afetiva. Segundo um amigo, Faustão estaria sofrendo há dois meses as conseqüências de ter se envolvido simultaneamente com duas de suas assistentes de palco. Fernanda Agnes, 20 anos, e Flávia Rosalén, 22, freqüentam, alternadamente, a tradicional noite de pizza às segundas, na casa do apresentador. Consultadas, ambas não apenas negam os respectivos namoros como também se espantam com a informação do suposto triângulo.

“Não estamos namorando. No show da Simone, em maio, a equipe toda estava lá e uma revista fotografou apenas nós dois”, explica Fernanda. A foto foi feita por Gente. “Não temos nada, nossa relação é profissional”, rebate, por sua vez, Flávia. Antes disso, segundo o mesmo amigo, Fausto tentou conquistar a atriz Maria Fernanda Cândido, que sempre negou qualquer envolvimento entre eles. Hoje os dois são amigos e ela é uma das poucas pessoas que Faustão atende a qualquer hora em seu telefone particular. Procurado por Gente, Fausto Silva não quis falar. Mas, com tanta pressão a sua volta, ele precisa ter alguém para desabafar.

Colaborou Edwin Paladino

<< Anterior

 

Leia Também

Minha mãe é uma estrela

Quando o asfalto vira água

Quem é o calo dos políticos

O salto de Carolina Abranches

A sétima arte de Christine Fernandes

Como na ficção

Divina confusão

Tricô no palco

Cantora, quase por acaso

O herdeiro que pode unir o clã do rei

Ela pilota o trânsito

Rebelde com causa

O inferno astral de Faustão

Furacão adolescente



| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três