CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

Você conhece bem os seus ídolos? Então descubra de quem estamos falando. Respostas no final da coluna.

1. No auge da fama, cheguei a declarar que eu e minha banda éramos mais populares que Jesus Cristo. Mas a vida me pregou uma peça. Levei um tiro aos 40 anos de um fã em frente ao Edifício Dakota, em Nova York, onde morava com a minha mulher. Mudei para os Estados Unidos em 1972, mas sou inglês nascido em Liverpool em 9 de outubro de 1962. Antes de sermos idolatrados nos quatro quantos do planeta, eu e os meus três companheiros começamos a mostrar nosso som no Cavern Club, em minha cidade natal. Nossas músicas sempre deixaram claro a luta pela paz mundial.

2. Na tevê, meu programa semanal não vem obtendo bons índices de audiência e é ameaçado de sair da grade de programação da Rede Globo. Já na telona estou arrasando. Acabei de ganhar o prêmio de melhor atriz na 35.ª edição do Festival de Cinema Karlovy Vary, na República Checa, por minha atuação no filme do diretor Andrucha Waddington, que também saiu vitorioso. Ele levou o principal prêmio do festival, o Globo de Cristal. No longa-metragem, que estréia em circuito nacional em 4 de agosto, vivo uma nordestina casada com três maridos interpretados por Stênio Garcia, Lima Duarte e Luiz Carlos Vasconcelos.

3. Não via a hora de jogar nos campos ingleses. Cheguei quase lá, mas fui barrado no aeroporto de Heathrow, em Londres, e tive de tomar um avião de volta ao Brasil. Os funcionários do Ministério do Interior Britânico desconfiaram da autenticidade do meu passaporte. Logo, logo voltarei para lá. Apesar do incidente, a venda do passe não foi anulada.



| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três