CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

Comédia romântica

Lisbela e o Prisioneiro
Guel Arraes acerta na direção de deliciosa comédia de erros

Mauro Ferreira

Foto: Divulgação
Bruno Garcia e Virgínia Cavendish em cena: ótimas atuações

Com sua grife já estabelecida na televisão, o diretor Guel Arraes busca agora no teatro a afirmação de um estilo pautado por leveza, graça e agilidade cênica. A nova investida de Guel nos palcos é a comédia romântica Lisbela e o Prisioneiro, em cartaz no Teatro Glória, no Rio. O texto, de autoria do pernambucano Osman Lins, foi adaptado com maestria e resulta num espetáculo encantador. Trata-se de uma fábula nordestina, montada de forma lúdica por Guel.

A peça conta as aventuras do sedutor Leléu (Bruno Garcia, em atuação iluminada), que se vê às voltas com o pistoleiro profissional Frederico Evandro (Marcos Oliveira, igualmente irrepreensível) por ter assediado a virgem Lisbela (Virgínia Cavendish) e manter um caso com a mulher do próprio matador (Inaura, papel de Lívia Falcão). Essa deliciosa comédia de erros é valorizada por um elenco afiado, que domina a linguagem de Guel. Elenco quase todo oriundo do Nordeste e que destaca o cearense Tadeu Mello, hilário na pele do cabo Citonho, e Lúcio Mauro Filho, uma das maiores revelações de comediante dos últimos tempos.

A encenação prima pela delicadeza e funcionalidade. Uma teia de filó ajuda a marcar os diversos ambientes cenográficos e a criar a atmosfera de sonho e romantismo. O recurso de mostrar trechos de filmes num telão – plenamente justificável, já que Lisbela é uma cinéfila apaixonada – ajuda a transportar o espectador para um mundo mágico. E Guel Arraes é o hábil condutor dessa viagem cheia de teatralidade e bom humor.

Sua grife, ao que parece, vai marcar época também nos palcos.

Selo Guel Arraes de qualidade

Até dia 27 de agosto. Teatro Glória. Rua do Rússel, 632

 

 

 

 Cinema
Bilheteria
Livros
Dália Negra
Casa Grande & Senzala
Música
Televisão

Fique de olho

No Ibope
Teatro
Exposição


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três