CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

Ping-Pong

Rita Lee

Ramiro Zwetsch

Você concorda que esse disco é o seu melhor dos últimos 15 anos?
O bebê da casa sempre acaba ganhando as últimas gracinhas, né? Mas acho
que o 3001 foi para o trono sim!

É o mais rock’n’roll.
Fazia tempo que eu não gravava tanta pauleira de uma só cajadada.

Você acha que a MPB reluta em aceitar a contribuição da música eletrônica?
O Brasil é um país festeiro, muitos dos melhores DJs planetários são nossos.
A MPB era totalmente radical, mas com o Tropicalismo a “escravidão” do pandeiro e violão foi para o brejo. Hoje até Chico Buarque já não torce tanto o nariz para guitarras elétricas. A música eletrônica é boa demais para não cair nas graças das pistas brasileiras.

Você ouve?
Meu filho João é DJ e é com ele que aprendo a diferenciar e apreciar trance, house, acid, drum’n’bass e outros tantos rótulos.

Você planeja manter o flerte com a música eletrônica?
A tia sempre mexeu com eletronicidades. Nas faixas “3001” e “2001” usei instrumentos do baú tipo Theremin, Mellotron, Mini Moog, bateria eletrônica Roland e outros “avós” da modernidade. Não vou mergulhar de sola, mas sempre vou usar todos esses rótulos que misturo no liqüidificador e chamo de “roquenrou”.

Como surgiram as parcerias com Fernanda Takai, Zélia Duncan e Tom Zé?
Fiz várias apresentações com Zélia e Takai no ano passado e rolou tricô musical no ato. Eu e Tom Zé nos encontramos numa festa e lá ficou decidido que nosso “astronauta libertado” seria projetado para o quarto milênio.

Quem você curte da nova geração?
Ouço de tudo e gosto da ala feminina pop/rock: Zélia Duncan, Cássia Eller, Ana Carolina, Paula Toller, Cris Braun, Fernanda Takai, Fernanda Abreu.

Sua obra motivou até um projeto musical da Rita Cadilac.
Eu me sinto uma ACM em camarote de carnaval, com esse beija mão todo (hehehe!). Adoro receber homenagens e ser regravada por quem quer que seja.

 

 

 Cinema
Bilheteria
Livros
Dália Negra
Casa Grande & Senzala
Música
Televisão

Fique de olho

No Ibope
Teatro
Exposição


| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três