CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK
 BUSCA

Polêmica

A guerra dos Mesquita
Vanessa Mesquita estréia na tevê, mas fora das telas briga com o ex-marido Otávio Mesquita, que quer tirar dela seu sobrenome

Viviane Cohen

Leandro Pimentel
Vanessa diz que optou pelo sobrenome do ex-marido porque três numerólogos garantiram que ele traria
mais sorte que Machado,
o nome de solteira. “Vou
me firmar pelo talento”

Os telespectadores que lêem os créditos do elenco da novela Laços de Família não supõem que um dos sobrenomes seja o pivô de uma briga conjugal. Separada há sete meses do apresentador Otávio Mesquita, a atriz Vanessa Mesquita, 26 anos, que interpreta a prostituta Simone na trama, não abriu mão do sobrenome do ex-marido. Segundo Mesquita, ela o ameaçou com uma separação litigiosa antes da audiência em que os dois selaram o divórcio, em 19 de junho, na Justiça de São Paulo. Foram cinco anos de união e um de casamento oficial. “Estou incomodado e quero que ela retire o meu nome”, diz Mesquita, 41 anos.

A atriz nega que tenha ameaçado o ex-marido e atribui sua escolha à numerologia. “Estou chocada com a reação dele”, diz Vanessa, que decidiu continuar adotando o sobrenome depois de ser aprovada no teste para integrar a novela das oito. Antes, porém, consultara três numerólogos. Todos foram unânimes no prognóstico: Mesquita lhe traria mais sorte que o nome de solteira, Machado. Quando usava Machado, Vanessa conta que fora reprovada em dois testes para a mesma novela. “Mas não preciso disso”, diz ela. “Vou me firmar pelo meu talento, não pelo sobrenome.” Ela só retirará o sobrenome se ele exigir pessoalmente.


Na partilha, o apresentador da Rede TV! afirma que lhe destinou em dinheiro o equivalente a um apartamento e um carro importado. “Ela exigiu receber alguma coisa. Paguei o que achei que ela merecia”, diz Mesquita. A atriz nega mais uma vez. Diz que fez questão de “sair do casamento como entrou”. “Gosto muito de dinheiro, mas não estou precisando que ele me dê nada”, dispara.

Em Laços de Família com Giovanna Antonelli

PAI ASSASSINADO O sobrenome famoso também lhe trouxe ascensão social, diz o ex-marido. “Ela era uma modelo desconhecida. Apresentei-a à sociedade paulista”, diz. Num esforço para provar que os dois continuam amigos, Vanessa chega a afirmar que planejava com Otávio a visita de um de seus filhos, Luiz Otávio, de 7 anos, ao Rio, para onde ela se mudou. O apresentador nega. “A amizade entre nós não existe mais”, diz ele. Otávio também deu uma sonora gargalhada ao ser informado sobre a afirmação da ex-modelo de que ela o aconselhou a trocar o SBT pela Rede TV! “Eu é quem dava conselhos a ela”, diz.

Foi o segundo casamento desfeito da goiana de 1,79m e 63 quilos. Aos 16, Vanessa se casou com um empresário de 30 anos, contra a vontade da família, logo depois de sofrer um trauma. No ano anterior, seu pai fora assassinado. A união durou um ano. Separada, mudou-se para São Paulo para estudar direito. Não chegou a se matricular na faculdade. Um caça-talentos a levou para a Elite. O corpo escultural lhe rendeu contratos para posar de lingerie e biquíni. Aos 21, conheceu Otávio Mesquita numa exposição de fotografia. Durante um mês, o apresentador teria ligado insistentemente para ela. “Ele me venceu pelo cansaço”, diz Vanessa, que se separou do namorado e se mudou dois meses depois para o apartamento de Mesquita. Os dois viveram juntos cinco anos até decidirem se casar oficialmente, em junho de 1999, em Fernando de Noronha. Ela atribui o fracasso do casamento ao “desgaste natural”. O apresentador diz que no, último ano, a falta de realização profissional dela atrapalhou a relação.

Silvana Garzaro
Otávio Mesquita diz que deu à ex-mulher o equivalente a um carro importado
e um apartamento

Hoje, Otávio admite que a ex-mulher tem potencial. “Assisti a uma cena dela e gostei. Mas tem muito que aprender”, afirma. Para interpretar Simone, Vanessa sua a camisa. Teve que entrevistar garotas de programa para conferir mais veracidade ao papel. Já foi surpreendida com um telefonema de uma delas convidando-a para uma festa de aniversário. “Não pude ir”, diz ela.

No Rio, Vanessa divide um apartamento de dois quartos num apart-hotel na Barra com a atriz Cláudia Lyra. As duas se conheceram na Globo e, um mês depois, resolveram morar juntas. “Não suporto morar sozinha”, diz. Há três meses a atriz namora o dentista Luiz Tepedino, 30 anos, apresentado a ela num jantar por amigos em comum. “Não penso em casamento tão cedo”, diz. “Agora vivo um dia após outro.”

 

 

Leia Também

A Marisa Monte que o público não vê

O olhar do bad boy

A guerra dos Mesquita

No tom de Chico César

O nosso doutor gene

Rei não paga indenização

Roberto Carlos homenageia Maria Rita

O sabor do sucesso

O charme da ex-lolita

O peso de ser ex-galã

Um novo maníaco?

Fernanda, a deusa expiatória

Sem papas na língua

David Uip, o médico celebridade

Corpos em evidência

Reduto para a gargalhada



| ISTOÉ ONLINE | ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA |ÁGUA NA BOCA |EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2000 Editora Três