CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK 
 BUSCA

 

No Maracanã, alegria do filho de Zico e tristeza do filho de Edmundo

Marcelo de Jesus

O maior estádio do mundo, Mário Filho, mais conhecido como Maracanã, festejou seus 50 anos, na tarde de sexta-feira 16, com a presença de ídolos que fizeram história em outras décadas, como Zico e Pelé. Os dois deixaram a marca de seus pés no Hall da Fama, montado no estádio. Pelé estava tão emocionado que nem percebeu quando um anônimo pisou distraidamente na pegada que deixou com seu pé esquerdo, no cimento ainda fresco. O craque repetirá o ato nas próximas semanas.

Embalado pela voz de Jamelão, puxador do samba da Mangueira, Pelé cantou Parabéns a Você diante de um bolo de 50 quilos, réplica do estádio, colocado no meio do campo. Com um só sopro, apagou as velas e partiu o primeiro pedaço. O bolo também foi saboreado por Zico, outro a imprimir o pé na calçada dos imortais do estádio onde marcou mais de 300 gols.

No dia seguinte ao aniversário, o Maracanã foi palco de uma outra festa. Desta vez, rubro-negra. Vencedor do campeonato estadual de 2000, o Flamengo derrotou o Vasco por 2x1 na tarde do sábado 17. O cantor Alexandre Pires, flamenguista de carteirinha, aproveitava o fim de semana para divulgar seu novo disco Bom Astral, no Rio, quando foi convidado pelo amigo Bruno Coimbra, filho de Zico, para ir até o Maracanã assistir ao clássico. Alexandre não pensou duas vezes. Feliz com a vitória, não ficou para as comemorações porque tinha um compromisso em São Paulo no início da noite. “Se não fosse o trabalho, eu ficaria aqui”, comentou Alexandre ao despedir-se de Bruno.

Quem deixou o Maracanã cabisbaixo foi o ator vascaíno Mário Gomes, que levou a mulher Patrícia e as filhas Talita e Linda para ver o seu time de coração jogar. Mas decepção maior teve Alexandre, filho da modelo Cristina Mortágua (foto) com o jogador Edmundo. Além de não ver o pai atuar no Vasco, o menino abriu o berreiro no final da partida. “Ele adora futebol e é louco pelo Vasco”, explicou Cristina.

Leia Também

No Maracanã, ale gria do filho de Zico e tristeza do filho de Edmundo

Maitê cai no forró com Chico Anysio

O pavio curto de Chris Couto

Romaria para Mariazinha

Guga rumo a Wimbledon

Maguila faz unhas e limpeza de pele para ir à festa

Carolina Dieckman dá a dose da Sabin ao filho Davi

 

© Copyright 1996/2000 Editora Três