CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 LUA DE MEL
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK 
 BUSCA
 ASSINE O BOLETIM
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ASSINATURAS
 FALE CONOSCO
 EXPEDIENTE
 PUBLICIDADE

 Cinema
Exposição
Livros
Música
Teatro
Televisão

Foco

CNT X Gazeta

Gabriela Mellão

Em breve, os brasileiros ganham mais um canal de televisão, resultado do vencimento do contrato de cinco anos na parceria entre a CNT e a Gazeta. Na empreitada solitária, a CNT negocia sua nova sintonia UHF e a emissora paulista Gazeta segue com a mesma freqüência. Apesar de as duas tevês terem optado por trilhar caminhos próprios, elas ainda têm muito em comum. Iniciam a nova fase com perfis similares e por isso mesmo, passam a atuar como concorrentes diretas.

Na definição das novas grades, vários programas brigam entre si. É o caso de Festa Sertaneja, que permanece no CNT mas encontra um clone na Gazeta – que contratou o antigo apresentador Marcelo Costa para criar Família Sertaneja. O título do musical Ligação ficou na emissora paulista com um novo apresentador (ainda indefinido), mas o apresentador Gutto Moreno dará nome e roupagem diferente a uma nova versão do programa na CNT. Vida de Artista é outro programa que vai ganhar duas versões. Tudo indica que após a separação, a briga vai esquentar.

Quem parece ter levado a melhor por enquanto é a rede paulista, que fica com o game show Só Alegria, de Sérgio Mallandro – o pico de audiência da casa, média de 6 pontos. Com exceção de Ronnie Von (do programa Mãe de Gravata, que ganha concorrência direta do feminino Mulheres) e Gutto Moreno (ex-Ligação), os demais apresentadores ficam com a Gazeta. Isso significa poucas mudanças substanciais na grade da emissora: apenas um novo programa econômico comandado pelo jornalista Luis Nassif e a volta do Comando da Madrugada, de Goulart de Andrade.

© Copyright 1996/2000 Editora Três