CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 LUA DE MEL
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 CLICK 
 BUSCA
 ASSINE O BOLETIM
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ASSINATURAS
 FALE CONOSCO
 EXPEDIENTE
 PUBLICIDADE

 

Carreira

Ela quer colinho
Aos 19 anos, a atriz Mariana Ximenez brilha como protagonista em Uga Uga e, depois de morar dois anos sozinha, aguarda a mudança da mãe de São Paulo para seu apartamento no Rio

Rosângela Honor

Leandro Pimentel
Quando se mudou para o Rio, a atriz morou sete meses num apart-hotel. “Foi uma loucura, sentia muita falta da minha família”

A mãe queria que ela fosse uma esportista. O pai desejava que se formasse em direito. Mas desde os seis anos Mariana Ximenez insistia em ser atriz. Começou a vencer a resistência de ambos aos sete anos, quando ganhou uma coleção de Monteiro Lobato. Passou a ler tudo com surpreendente interesse e vivia interpretando personagens dos livros. Aos 12 anos, matriculou-se num curso de teatro e não parou mais. Estrelou quase 200 campanhas publicitárias e fez três novelas em dois anos de carreira. Aos 19 anos, Mariana Ximenez é protagonista da novela Uga Uga, da Rede Globo, e, em junho, sobe ao palco com Louise Cardoso na peça A Rosa Tatuada. Louise conta que foi o diretor Flávio Marinho quem chamou sua atenção para o trabalho da jovem atriz. Na época, Mariana vivia a freirinha Celi de Andando nas Nuvens. “Mariana tem maturidade e equilíbrio”, acredita. A jovem devolve o elogio: “Ela sempre foi um símbolo para mim”.

Mariana Ximenez é filha da fonoaudióloga Fátima Ximenez do Prado, 45 anos, e do advogado José Nuzzi Netto, 46, e tem um irmão, Rafael, de 17 anos, estudante de medicina. Preocupados com a rápida ascensão da filha, os dois procuram acompanhar de perto os rumos de sua carreira. Foi assim quando ela se transferiu de São Paulo para o Rio, há pouco mais de um ano. Na ocasião, Mariana acabara de ser aprovada na faculdade de cinema. Resolveu parar de estudar para fazer a novela. O pai concordou com a mudança diante da promessa de que voltaria à faculdade. Mas ela ainda não conseguiu cumprir o que prometeu.

A transferência para o Rio provocou uma mudança na vida da atriz. Até então, só deixara a casa dos pais para fazer um intercâmbio na Inglaterra. Quando se mudou para o Rio, morou sete meses num apart-hotel. “Foi uma loucura, sentia muita falta da minha família”. lembra. Na época, terminara um namoro de três anos com o ator Caio Blat.

MAMÃE JÁ VAI Envolvida numa roda-viva devido aos ensaios da peça e gravações da novela, Mariana pediu colo. Sua mãe está se transferindo para o Rio para ajudá-la a pôr ordem na casa: “Estou precisando de uma estrutura, de chegar em casa e ter comidinha”. A atriz acaba de alugar um apartamento em São Conrado, na zona sul do Rio. “Curti minha liberdade com muita responsabilidade, será uma fase de readaptação”, observa. Ela diz que está sem tempo até de ver o namorado, o ator André Barros, filho do senador Artur da Távola. “A gente só se vê nos intervalos entre as gravações e os ensaios”, conta. Mas não se queixa. Está tão feliz com o resultado de seu trabalho que se diz capaz de qualquer sacrifício. Até de fazer ginástica três vezes por semana. Embora tenha praticado esportes durante muito tempo – jogou basquete oito anos, foi jogadora de futebol e nadou durante seis anos – odeia fazer ginástica. Também tem se submetido a uma dieta para compor melhor a rebelde Bionda, de Uga Uga. “Como ela come compulsivamente na novela, tenho que fechar a boca fora de cena”, conta. “Meu maior problema é ficar sem sorvete.”

© Copyright 1996/2000 Editora Três