CAPA
 ÍNDICE
 BASTIDORES
 ENTREVISTA
 Seções
 URGENTE
 QUEM SOU EU?
 IMAGENS DA  SEMANA
 DIVERSÃO & ARTE
 MODA
 AGITO
 LUA DE MEL
 ACONTECEU
 TRIBUTO
 CELEBRIDADE
 TESTEMUNHAS DO  SÉCULO 
 Coluna
 EXCLUSIVAS

 

  DINHEIRO ISTO╔
 
 

Ping-Pong

Nelson de Oliveira

Antonio Querino

Com 33 anos, quatro livros publicados e alguns prêmios
no currículo, o paulista Nelson
de Oliveira rouba a alma da poesia para dar sabor aos seus romances.

Por que literatura fantástica?
Gosto mais dos livros que se desprendem da realidade. Alguns críticos têm apontado Kafka e Cortázar como influências no meu trabalho. Acho que meu interesse pelo fantástico se deve mais aos romances juvenis de Monteiro Lobato, que devorei quando jovem.

Como explica a obsessão pelo fogo, expressa em seu livro?
O romance conta uma descida aos infernos, por isso o fogo não podia faltar. O universo inteiro é fruto do fogo, da explosão primordial
que chamamos de Big Bang.

Pacto com o diabo ainda é assunto para 2000?
Será assunto para os próximos 10 mil anos. O interesse pelo sobrenatural está arraigado em nós, se confunde com a essência do ser humano. Por mais irreal que pareça a figura de Belzebu, e, por que não dizer, de Deus, me parece que jamais poderíamos sobreviver sem essa parcela da irrealidade.

Você se aventura também no campo da poesia?
Tenho muitos poemas na gaveta. Gosto de trabalhá-los e talvez venha
a publicar uma pequena mostra deles, quando sentir que estão maduros.

O que a sua narrativa “roubou” da poesia?
A alma. Não há nada mais sublime, na literatura, do que a alma da poesia. Até mesmo um romance, por mais prosaico que seja, precisa trazer em si essa alma roubada.

Copyright 1996/2000 Editora Três

LEIA
TAMBÉM
 Cinema
Cenas documentais
Bossa Nova
Inferno
Bilheteria
 Livros
O significado da vida
Subsolo infinito
Ping-Pong
Best-sellers
 Música
Amazonas
Morada do samba
Ping-Pong
Música étnica invade o Brasil
 Teatro
Mais Perto
Na bagunça do teu coração
Ping-Pong
 Televisão
Rede Globo 2000
Ping-pong com Camila Pitanga
Ping-pong com Jô Soares
Superbonita
Cerco ao General
Fique de olho
 Internet
Zulu
Quero ser famoso