13 de março de 2000
Home
Outras Edições
Outras Edições
Diversão e Arte
Assine
Assine
Assine
Semana
Assine
Assine
Busca
 


Leia também:

Televisão
Domingo Show
Erotica MTV
Terra á vista
Luciano Huck e Sérgio Groisman

Fique de olho


Cinema

Zelito interpreta Villa-Lobos
Meninos não Choram

Bilheteria

Música

Linda Juventude Ao Vivo
Samba Raro
Pérolas de Janis

Hits

Livros

As Pessoas dos Livros
Primeiros passos

Best sellers

Internet

E!
Kevin Spacey


Exposições

A Fotografia na República de Weimar

 


Sexo

Erótica MTV
Programa reestréia mais futurista e menos aconchegante

Lilian Amarante

Fotos: Paulo de Tarso
Ludmila entre Jairo e Júlio: agora são três os apresentadores do Erótica

A MTV investiu pesado para apagar qualquer rastro deixado pela sensual Babi nos domínios do programa Erótica (quarta-feira, 22h), um dos maiores sucessos de sua grade. Na reestréia do programa – sem a agora estrela do SBT –, quase nada lembra o antigo quarto onde, sem vergonha ou preconceito, se discutia sexo.

A cama onde reinava Babi continua redonda, é verdade, mas a nova decoração tem inspiração futurista – com direito até a luz por baixo do colchão. Sobre ela, desde a quarta-feira 1.º, quem dá as ordens é a atriz Ludmila, uma baiana estreante em televisão. O psiquiatra Jairo Bouer, que já participava da versão antiga, nessa nova fase tem ainda mais espaço para responder e-mails e tirar dúvidas de quem participa pelo telefone.E para agradar ao público feminino, o novo Erótica conta com a simpatia e desenvoltura do modelo gaúcho Júlio, que ficou responsável por coordenar a participação da pequena platéia presente.

Na estréia, ainda morna, Tiazinha foi a convidada especial. Coberta por um biquíni e uma minissaia de renda, sentada ou deitada sobre o colchão luminoso, Tiazinha exibiu algumas intimidades físicas – numa foto da Playboy mostrada por Ludmila com empolgação. Mas declinou do papo aberto que o programa costumava promover e preferiu deixar em segredo detalhes como “a primeira transa” e fantasias sexuais. Ludmila é simpática. Só precisa conquistar o público e fazê-lo esquecer a Babi. Aliás, a cama cheia de almofadas, o aconchego e o despojamento anteriores fazem falta na nova versão. Em fase mais prestigiada e vistosa, o Erótica tem que tomar cuidado para não transformar seu antigo quarto – com tudo o que rolava lá dentro – em um modernoso motel.

Ménage à trois

Boletim Assine Fale Conosco Outras edições Home Boletim Assine Fale conosco Outras edições Home