Celebridade  
Divulgação
Atualmente, o apresentador
do Caldeirão do Huck se prepara para o nascimento de Joaquim,
seu filho com Angélica
• • •

Enviar para um amigo
Leia colunas anteriores

Luciano Huck

por Diógenes Campanha

Reprodução
Aos sete anos de idade, em 1978, Luciano Huck
fazia pose enquanto dirigia seu carrinho no
gramado da casa de sua avó, em São Paulo.
Aos sete anos de idade, Luciano Huck não tinha muitas preocupações, a não ser brincar bastante e dirigir seu velocípede no gramado da casa da avó, em São Paulo, uma de suas brincadeiras preferidas em 1978. Filho do advogado Marcelo Huck e da urbanista Marta Grostein, ele só guarda boas lembranças dos tempos de criança. “Tive uma infância tranqüila, cheia de carinho, boas histórias, muitos livros e boas viagens”, diz o apresentador. Entre as viagens, ele destaca os passeios para o Guarujá – ir à praia era um de seus programas preferidos – e os três anos em que viveu nos Estados Unidos. “Meus pais estavam fazendo pós-graduação nas suas respectivas áreas e eu fui junto, pois ainda era muito pequeno”, conta Huck. Além de brincar de carrinho, ele gostava de jogar futebol com os amigos e nem imaginava que o futuro lhe reservaria o sucesso como apresentador e empreendedor. “Apresentar televisão foi algo que aconteceu na minha vida, eu não planejei”, diz. Atualmente, os planos de Luciano não se restringem a novas realizações profissionais. Em março, ele se tornará pai de Joaquim, seu primeiro filho com Angélica e diz que pretende se espelhar em sua infância para criar o herdeiro. “Quero passar os mesmos conceitos que tive, somados às experiências da Angélica, que também teve uma educação muito bacana”, conta Huck, que não vê a hora de rechear o álbum do futuro herdeiro com fotos de momentos felizes como o que ficou congelado na imagem acima.