24 de janeiro de 2000
Home
Home
Semana
Diversão e Arte
Outras Edições
Fale Conosco
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Busca
 



 

Ana Maria Braga

ReproduÁ„o/Revista Fiel Torcida

Essa é uma fase da qual a palmeirense de carteirinha Ana Maria Braga jura que não lembra nada. Foi em março de 1977, quando tinha 27 anos, que a então desconhecida apresentadora da extinta TV Tupi posou de corintiana para uma sessão de fotos da revista Coração, destinada aos torcedores do "timão". Na entrevista feita pela publicação, ela se dizia triste porque o Corinthians acabara de perder o campeonato brasileiro para o Internacional de Porto Alegre, no estádio Beira-Rio.

"É impossível conter a emoção e o tom de voz quando o assunto é o Coringão", declarou Ana Maria na época. Meses depois, o clube paulista quebraria um jejum histórico de 23 anos sem ganhar um título do campeonato paulista. Hoje, depois de o Corinthians ter se tornado o primeiro campeão mundial interclubes, na sexta-feira 14, contra o Vasco no Maracanã, a história é muito diferente.

"Nada me remete a essa situação, não lembro de nada", desconversa a apresentadora, que garante não ter visto o jogo nem pela televisão. Aos 50 anos, muito mais famosa e mais fanática ainda pelo Palmeiras, Ana Maria ocupa as tardes da Rede Globo com seu programa Mais Você, além de colher os louros de sua mais recente empreitada, a revista mensal Utilíssima.


Boletim Assine Fale Conosco Outras edições Home Boletim Assine Fale conosco Outras edições Home