Veja também outros sites:
 
Home •• Revista ••• Reportagens  
Reportagens

08/12/2003

   
 
Leandro Pimentel
“Tenho de agradecer pelo que estou passando. A gente fica mais paciente, mais sensível, muito menos egoísta e egocêntrico”, diz Marcos

 

Família / Marcos Frota
Ele ainda agradece
Ator de Chocolate com Pimenta fez do trabalho uma terapia e recorreu à espiritualidade depois do fim do casamento com Carolina Dieckmann

Nina Mansur

 

No fundo dos olhos verdes de Marcos Frota, 48 anos, ainda existe amor por Carolina Dieckmann, de quem se separou
há pouco mais de dois meses. Embora se recuse a falar sobre o rompimento, o ator deixa escapar que a ex, que emendou um namoro com o roteirista de tevê Tiago Worcmam, continua presente para ele. “É cedo para falar sobre o fim
do casamento. Não vejo o fim para nada, mas a continuidade de tudo”, explica. No ar como um artista circense em Chocolate com Pimenta, ele diz que o trabalho tem sido fundamental na recuperação.

Para superar o momento difícil, tem recorrido à espiritualidade, reforçada pelas citações de amor e gratidão. “Tenho de agradecer pelo que estou passando”, afirma. Marcos diz que momentos como esses são uma oportunidade de amadurecimento e reflexão: “A gente fica mais paciente, mais sensível, muito menos egoísta e egocêntrico”.

Foi dessa maneira que Marcos superou situações difíceis, como a morte da primeira mulher, Cibele, há 10 anos, do pai, Vicente, há quatro, e, em 2001, de Luiz Maurício Cavalheiro, que fundou com ele a Universidade do Circo, em Montes Claros (MG). “Poder passar pelos momentos de tristeza com intensidade vale ouro. Mal eu fico sempre, mas o saldo é positivo”, afirma o ator, que evita mencionar o nome de Carolina. “A gente está passando por essa fase de nossas vidas lindamente. Estamos bem”, limita-se a dizer.

Em meio a incertezas, Marcos é categórico: não recorrerá à Justiça para discutir a guarda de Davi, 4, fruto de sua união com Carolina. O importante para ele é que o menino cresça saudável. Portanto, ora Davi ficará com o ator em sua casa, no Recreio dos Bandeirantes, zona oeste do Rio, ora no novo apartamento da atriz em Ipanema, na zona sul. Na recuperação de Marcos, a família tem tido papel fundamental. “Apesar de viajar sempre, ele liga de onde estiver para ver se precisamos de alguma coisa. Meu pai está superando a separação”, conta a filha Amaralina, de 23. Pai de Apoena, 22, e Tainã, 13, além de Amaralina e Davi, Marcos pensa em mais filhos: “Sou muito família. Meu coração está aberto”.

Comente esta matéria
 
 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 227
ENQUETE

Escolha os
melhores do ano

QUEM SOU EU?
TESTE DO PRESENTE
ENSAIO FOTOGRÁFICO
 BUSCA

VOCÊ É POPULAR?

Você tem muitos compromissos sempre? Sabe (e gosta!) de liderar? Então é um forte candidato a alta popularidade. Confira qual o seu perfil
RESUMO DAS NOVELAS
 
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três