Veja também outros sites:
 
Home •• Revista ••• Reportagens  
Reportagens

10/11/2003

   
 
 
 
 
“Alexandre Pires é a grande estrela mundial da BMG para o mercado latino”, diz Luiz Oscar Niemeyer, presidente da BMG no Brasil. Na foto ao lado, ele imita pose do ator Taye Diggs (acima)

 

Capa - Ensaio
Alexandre Pires
O Rei das Américas
Com quase 2 milhões de CDs vendidos no Exterior, disco lançado em 32 países, cachê de US$ 50 mil por show e investimentos de US$ 2 milhões no álbum em espanhol Estrella Guía, o cantor celebra o sucesso lá fora enquanto começa na sexta-feira 7 uma turnê pelo Brasil

Jonas Furtado

 
Fotos: Edu Lopes
" Será que se eu fosse filho do Milton
Nascimento a história seria diferente?"

Alexandre Pires, sobre as críticas que
recebeu por cantar na Casa Branca

Ele é o artista brasileiro de maior sucesso no Exterior desde Roberto Carlos. Já vendeu quase 2 milhões de discos fora do País – além de outras 9 milhões de cópias no Brasil – e foi considerado o Artista Latino do Ano pela revista Billboard, prêmio concedido com base nas vendas de CDs e na execução de músicas nas rádios americanas no período de fevereiro de 2002 a fevereiro de 2003. Seu mais recente álbum, Estrela Guia (Estrella Guía, em espanhol) foi lançado em março em 32 países, e apenas em maio ganhou uma versão em português. Faturou discos de platina duplo na Argentina, no Uruguai e em Portugal, de platina na Espanha e de ouro nos Estados Unidos e América Central. Acaba de gravar em dueto com Rod Stewart a canção que servirá como pontapé inicial para o novo e mais ambicioso projeto da gravadora para ele: cantar em inglês e conquistar o mercado pop de língua inglesa, trilhando, assim, os mesmos caminhos de seus antecessores latinos Ricky Martin, Jennifer Lopez, Christina Aguilera e Enrique Iglesias.

“Alexandre Pires é atualmente a grande estrela mundial da BMG para o mercado latino”, diz Luiz Oscar Niemeyer, presidente da BMG no Brasil. A afirmação justifica os gastos em torno de US$ 2 milhões para o lançamento de Estrella Guía, o primeiro de quatro álbuns que ele tem a cumprir por contrato com a gravadora. Em um esquema de superestrela, Alexandre gravou simultaneamente os três videoclipes das músicas de trabalho, que juntos formam um filme contando uma só história, algo inédito na existência da BMG. Na sexta-feira 7, em Limeira, interior de São Paulo, ele volta as atenções para o mercado brasileiro e dá início a uma turnê
de 14 dias de Estrela Guia. Antes, fez um ensaio para
Gente
inspirado em astros negros americanos, como o ator Taye Diggs, o ex-jogador de basquete Dennis Rodman e o rapper Tupac Shakur.

A transformação do ex-vocalista de grupo de pagode em cantor romântico começa a render ganhos que alcançam
os sete dígitos, em dólares – hoje, ele cobra um cachê de US$ 45 mil a US$ 50 mil por shows internacionais, e recebe cerca de US$ 1,40 de cada CD vendido –, mas o cantor garante que ainda está recuperando o prejuízo por ter abdicado de trabalhar exclusivamente o mercado brasileiro. “Muita gente pensa que estou nadando no dólar. Perdi dinheiro ao me lançar na carreira internacional, fiquei muito tempo aprimorando o espanhol e sem fazer shows.”

Fotos: Edu Lopes
Foto do ator Taye Diggs, referência para a de Alexandre Pires
Por causa do evento na Casa Branca, o cineasta Arnaldo Jabor disse que Tom Jobim e Vinícius de Moraes estavam se revirando nos túmulos. “Mando um recado para ele: é cada macaco no seu galho. Ele entende de cinema, e olhe lá”, diz o cantor
A explosão de “Alex Pires” (como é chamado pelas fanáticas fãs latinas) em 2003 é fruto de um trabalho iniciado em 1998, quando ele ainda era o vocalista do grupo Só Pra Contrariar. Na época, a BMG lançou no mercado latino uma versão do CD Só Pra Contrariar, que vendera 3 milhões de cópias no Brasil e chegou quase às 600 mil no Exterior. O potencial era evidente e foi confirmado há 3 anos, em uma pesquisa interna da gravadora, quando Alexandre Pires foi apontado como o artista da companhia que cantava em espanhol com maiores chances de sucesso em uma carreira internacional.

1 | 2 | 3

Comente esta matéria
 
 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 223
ENQUETE

Quem será o próximo James Bond? Já se pensa no nome do próximo agente. E você, quem acha que deve ser o galã?

QUEM SOU EU?
CARAS DE CLONES
ESPECIAL MATRIX REVOLUTIONS
 BUSCA

ANIVERSÁRIO

Colocamos as principais notícias do ano que você nasceu em uma home page.
RESUMO DAS NOVELAS
 
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três