Veja também outros sites:
Home •• Revista ••• Saúde  
Saúde

31/08/2003

   

Pílulas

• O alcoolismo figura entre as cinco doenças mais incapacitantes do mundo segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS)

• Para cada mulher dependente do álcool há aproximadamente cinco homens alcoólatras

• Mais da metade dos casos de violência (incluindo violência sexual) está relacionada ao consumo de álcool

 

Os perigos do alcoolismo
Ao longo da vida, 15% da população mundial terão problemas relacionados ao uso de álcool que, ao contrário da maconha, pode danificar
os neurônios e levar à demência

Dartiu Xavier da Silveira

 
Claudio Gatti
Depressão vem
antes do alcoolismo
Na novela Mulheres Apaixonadas, da Globo, a personagem Santana, interpretada pela atriz Vera Holtz, retrata o sofrimento dos alcoólatras e os problemas causados na vida profissional e social desses dependentes químicos. O fato de o tema ser abordado na novela chama atenção para os perigos do alcoolismo e estimula o debate. Estima-se que ao longo da vida 15% da população mundial terão problemas com o álcool. Muitas vezes, começa a se manifestar na adolescência, que é o período mais crítico da formação da personalidade. Por isso, os adolescentes estão mais vulneráveis ao álcool e às drogas. Segundo dados do Programa de Orientação e Atendimento a Dependentes (Proad) da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), hoje em dia as pessoas tendem a começar a beber mais cedo, entre 12 e 13 anos. Mas mesmo quem inicia o uso mais tardiamente pode se tornar dependente, e até idosos podem virar alcoólatras. A predisposição genética é um dos fatores importantes no que tange à dependência do álcool.

Por uma questão cultural, muitos pais freqüentemente entram em pânico quando suspeitam que o filho fuma maconha,
mas ao mesmo tempo acham normal quando ele chega bêbado em casa. Eles tendem a exagerar nas preocupações em relação a drogas ilícitas e minimizar os riscos das lícitas, embora os estragos causados pelo álcool sejam muito maiores. Ao contrário da maconha, o álcool danifica os neurônios e pode levar à demência. Tenho pacientes de 28, 29 anos com comportamento semelhante a idosos com Alzheimer. O álcool também prejudica o funcionamento de outros órgãos, como fígado, glândulas e rins.

É importante identificar precocemente o alcoolismo. Em
geral, os pais ficam de olho nos sinais errados. Mostram-se incomodados quando os filhos são rebeldes. Isso é normal
na adolescência. Eles devem se preocupar se os filhos se isolam ou se não sabem nada da vida deles. Quem enfrenta problemas com álcool costuma ir mal na escola e desiste das atividades sociais – ao contrário do que se alega, a bebida só pode eventualmente ser considerada socializante em pequenas doses e se for usada esporadicamente.

Além disso, há uma relação estreita entre depressão e alcoolismo. Em uma tese de doutorado realizada no Proad, na Unifesp, foram entrevistados 530 dependentes. Os dados mostram que 44% deles tinham depressão clínica. E em 77% destes casos a depressão era anterior ao alcoolismo. Como isto é freqüente, devem ser abordadas as duas doenças quando estão associadas, sendo assim maiores as chances de cura. Grupos de auto-ajuda, como o Alcoólicos Anônimos, podem ajudar no tratamento e são uma estratégia valiosa para manter o dependente longe do álcool, mas não deveriam ser a única abordagem utilizada.

É importante o dependente químico ser atendido por um profissional especializado. Ele está habilitado a prescrever remédios, quando necessário, que inclusive auxiliarão na cura dos transtornos psíquicos associados (como depressão) – sem o risco de induzir uma outra dependência – através de tratamentos que costumam durar de um a dois anos. A associação de medicação com terapia e grupos de auto-ajuda aumentam as chances de sucesso no tratamento.

Dartiu Xavier da Silveira é psiquiatra, pesquisador da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), coordenador do Programa de Orientação e Atendimento a Dependentes (Proad) e presidente da Sociedade Brasileira de Psicologia Analítica (SBPA).
Comente esta matéria

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 213
ENQUETE

Vote no mais sexy
e monte o ranking
dos internautas

Você é fã dos cantores bregas?

FÓRUM
TESTE

Que personagem de Julia Roberts você é?
 BUSCA

Aniversário

Colocamos as principais notícias do ano que você nasceu em uma home page.
RESUMO DAS NOVELAS
Saiba o que vai acontecer durante a semana na sua
novela preferida
• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | ISTOÉ DINHEIRO | PLANETA | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2003 Editora Três