22 de novembro de 1999
Home
Home
Semana
Diversão e Arte
Outras Edições
Fale Conosco
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Busca

Leia também:

Televisão

Canta e Dança Minha Gente
As mulheres da Rede TV!
Jornal da TV!
Sucesso d'além-mar


Cinema

A Premonição
Destinos Cruzados
Festival de Brasília resgata o passado
Santo Forte


Música

Solar
Preciosidades em série
Roda de funk
Latin Wonder
Rainbow
Batuque eletrônico


Livros

Vinícius de Moraes
Aurélio, versão século 21
As Afinidades


Teatro

Rent


Internet

Waldemar Niclevicz
Renato Aragão


Televisão - Jornalismo

Jornal da TV!
O principal jornal da emissora estréia morno e interativo

Paula Alzugaray

Foto:Divulgação

Na contramão da nova tendência dos telejornais brasileiros, que passam a ser apresentados por seus editores-chefes, buscando dar mais credibilidade a sua informação, o Jornal da TV! (Rede TV! - segunda a sábado, 21h30) opta por manter o modelo convencional lançando mão de um outro conceito: a interatividade. Ao ser ancorado por apresentadores e não por jornalistas de peso, o telejornal parece querer delimitar bem as diferenças entre a "informação com isenção" e os raros "espaços opinativos", reservados, por exemplo, às brilhantes crônicas esportivas de Juca Kfouri. O objetivo do jornalismo da Rede TV! é ressaltar que o que vale é a opinião do público. Para isso, armou-se da tecnologia da casa a fim de apurar a opinião do telespectador sobre um tema de destaque do dia - a Tecplan, empresa que realiza as pesquisas eletrônicas usadas pelo Fantástico e pelo Você Decide, da Rede Globo, é propriedade de Amílcare Dallevo, dono da Rede TV!. Na estréia, o foco foi dado às críticas que os padres cantores despertam dentro da Igreja Católica. A matéria mostrou o crescimento de adesões às missas, reuniu alguns depoimentos- chaves, mas ficou inconclusiva ao se isentar da análise e jogar para o público a palavra final. A resposta dos telespectadores foi: 74,8 % são a favor dos padres cantores.

Apesar da temperatura morna e mesmo sem um furo de reportagem na estréia, o Jornal da TV! mostra versatilidade e fôlego para cobertura no território nacional. A assinatura do superintendente Alberico Souza Cruz, ainda que por trás das câmeras, lhe confere a credibilidade necessária e o aproxima do padrão Global. Infelizmente, o mesmo não pode ser dito da programação visual dos jornalísticos - pouco atraente e nada inovadora -, que destoa do tratamento gráfico dado aos outros programas e fica muito aquém da qualidade almejada pela emissora.
Muita notícia, pouca análise

Boletim Assine Fale Conosco Outras edições Home Boletim Assine Fale conosco Outras edições Home