Veja também outros sites:
 
Home •• Revista ••Diversão & Arte  
Diversão & arte - Televisão

04/03/2002

   
Divulgação
Adriana Esteves em Coração de Estudante: mineirice até na trilha sonora

 

 

 

 

 

Novela
Coração de Estudante
Novo folhetim das seis estréia com compromisso
de superar crise de audiência do horário

Paula Alzugaray


Polêmica nunca foi a tônica de novela das seis, mas Coração de Estudante (Globo, segunda a sexta, 18h) vai abordar, mesmo que de leve, o eterno conflito entre fazendeiros e ecologistas no Brasil. Temas como ecologia, cidadania, educação e preservação do patrimônio histórico servirão como pano de fundo ao triângulo amoroso que se desenvolve na cidade fictícia de Nova Aliança, “paraíso dos universitários”, em Minas Gerais.
Ao som de Milton Nascimento, Lô Borges, Skank e Pato Fu, em uma trilha sonora essencialmente composta por música mineira, Eduardo (Fábio Assunção), professor idealista e defensor de leis de proteção ambiental, será disputado por Clara (Helena Ranaldi), advogada engajada em causas sociais, e a egoísta Amelinha (Adriana Esteves), filha do rei do gado da região, João Mourão (Cláudio Marzo).

Com o objetivo de superar a média de 26 pontos no Ibope da antecessora A Padroeira e chegar a 30 pontos, Coração de Estudante conta também com um expressivo núcleo jovem, liderado por Paulo Vilhena, Caio Blat e a talentosa Júlia Feldens em papéis de universitários. Na abordagem do dia-a-dia das repúblicas é que poderá contar a favor a experiência do autor Emanuel Jacobina (criador do seriado Malhação e estreante no gênero telenovela) em tratar dramas adolescentes.

No capítulo de estréia de Coração de Estudante, segunda-feira 25, a audiência não surpreendeu e manteve a média de 30 pontos do primeiro capítulo de A Padroeira. Mas o folhetim interiorano ainda poderá ampliar seu raio de interesse se souber criar um bom mix entre questões éticas e conquistas amorosas. Romantismo com pitadas de ecologia

 

Clique para vê-la ampliada
EDIÇÃO 135
 
ENQUETE
Malu Mader diz que perdoaria uma traição do marido. Você perdoaria?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
Taiguara diz que perdeu vários contratos como modelo por causa da linha popular de Casa dos Artistas. Você acha que foi uma questão pessoal ou o programa não é o conto de fadas que os participantes esperam? Dê sua opinião
 
BUSCA

LEIA TAMBÉM
 

Beleza roubada
A médica Wanda Corrêa critica banalização
da cirurgia plástica

Óraculos
de Delfos
Faça a sua pergunta à sacerdotisa Phytia

Último banquete
Conta de R$ 150 mil
em jantar faz banco
demitir operadores

A Dolly
dos bichanos
Texanos produzem o primeiro animal de estimação clonado


• Fale conosco
• Expediente
• Assinaturas
• Publicidade
 
| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL | EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1999/2002 Editora Três