Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 122
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 JOGOS E TESTES
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA

 

 

COMÉDIA

03/12/2001

Pantagruel
Texto clássico de François Rabelais ganha versão escrachada nas mãos dos Parlapatões

Marina Monzillo

Divulgação
Possolo, Roit e Barretto: atuações hilárias

Há dez anos, os Parlapatões, Patifes & Paspalhões vêm arrancando as mais sonoras gargalhadas da platéia. A trupe, que começou com apresentações de rua, possui hoje público fiel e tem no currículo montagens bastante populares, mesmo sem contar com atores famosos, que atraem espectadores através de trabalhos televisivos.

Entretanto, é exatamente o elenco que faz de cada nova peça do grupo uma ode ao riso e ao escracho. É impossível olhar para Hugo Possolo, Raul Barretto e companhia sem rir. Mas, além de suas expressões cômicas, brincadeiras com a platéia e talento nato para o humor, os Parlapatões também têm conteúdo.

No novo espetáculo, fruto de dois anos de pesquisa, a trupe encena Pantagruel, versão “parlapatônica” dos romances Gargântua e Pantagruel, do renascentista François Rabelais.

É característica dos Parlapatões se inspirar em temas clássicos. Conceberam Sardanapalo a partir da acontecimentos históricos protagonizados por Alexandre, o Grande. Já em ppp@wllmshkspr.br, a “vítima” foi William Shakespeare.

O novo espetáculo narra as andanças do gigante Pantagruel, filho de Gargântua, rei de Utopia. O herdeiro sai pelo mundo tentando salvar o reino, invadido pelo exército sorbonista. Para contar a saga, a turma lança mão de um afiado repertório de piadas e canções irreverentes. Besteirol com conteúdo

Sesc Anchieta
r. Dr. Vila Nova, 245 – Tel. (11) 256-2281
Até 27/01




Altar Virtual
Cartomancia
Novo Tarô
Biscoito da sorte
Realejo
Bola 8
Par perfeito
I-Ching
Runas
Vidente
Numerologia
Horóscopo
 
ENQUETE
Após perder o comando das manhãs globais em que emissora você acha que Angélica deve trabalhar?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O ex-jogador Sócrates defende que o futebol seja jogado com 9 e não com 11 jogadores de cada lado. Para ele isso exige mais criatividade nas jogadas e melhora o jogo. O que você pensa disso?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala
 
 

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1996/2001 Editora Três