Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 122
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 JOGOS E TESTES
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA

 

 

ROCK

03/12/2001

Entre Seus Rins
Ira! comemora 20 anos de carreira com muito rock’n’roll

Ramiro Zwetsch

Divulgação
Ira!: carreira coerente e público cativo e fiel

O grupo paulistano Ira! tem uma das trajetórias mais coerentes entre as várias bandas de projeção que despontaram no cenário musical brasileiro a partir da explosão do rock nacional nos anos 80.

Encabeçado pelo excelente guitarrista Edgard Scandurra, o Ira! sempre foi fiel ao rock cru, sem firulas, e, mesmo tendo se entregado recentemente aos desgastados formatos “ao vivo” e de “versões”, jamais apelou para fórmulas comerciais só para vender discos. Aliás, apesar do público cativo e fiel, a banda nunca foi uma campeã de vendas – como foram Titãs, Paralamas, Legião Urbana, Capital Inicial e Barão Vermelho.

Em Entre Seus Rins, novíssimo álbum, a coerência persiste. Em uma ode honesta ao ritmo que propagou nos últimos 15 anos, o grupo abre o disco com a emblemática “O Bom e Velho Rock’n Roll” – faixa que funciona como um cartão de visitas perfeito, com as guitarras emoldurando a espinha dorsal do conceito musical. É o que se nota também na pesada “Naftalina”. É rock com simplicidade eficiente transbordando através de baixo (tocado com discrição conveniente por Ricardo Gaspa), guitarra, bateria (com André Jung nas baquetas) e a voz rasgada e marcante de Nasi.

A veia romântica, nada cafona e sempre presente no grupo, aparece isoladamente em faixas como em “Superficial (Como um Espinho)”, baladinha da mesma linhagem da clássica “Flores em Você” – ambas faixas se estruturam sobre belos arranjos orquestrais. Rock visceral




Altar Virtual
Cartomancia
Novo Tarô
Biscoito da sorte
Realejo
Bola 8
Par perfeito
I-Ching
Runas
Vidente
Numerologia
Horóscopo
 
ENQUETE
Após perder o comando das manhãs globais em que emissora você acha que Angélica deve trabalhar?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O ex-jogador Sócrates defende que o futebol seja jogado com 9 e não com 11 jogadores de cada lado. Para ele isso exige mais criatividade nas jogadas e melhora o jogo. O que você pensa disso?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala

 
 

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1996/2001 Editora Três