Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 107
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 AGITO
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA
 

 

 

20/08/2001

por Tiago Ribeiro

Marcelo Rubens Paiva

Arquivo Pessoal
Marcelo Rubens Paiva, em 1990, com o líder da Legião Urbana, Renato Russo, em sessão de autógrafos em Brasília. O escritor deu um tempo nos livros e hoje dedica-se mais a textos para teatro

Marcelo Rubens Paiva tinha motivos de sobra para fazer ares de intelectual na foto tirada em 1990. O escritor paulistano estava em Brasília para o lançamento do seu terceiro livro Uá: Brari. A fila de autógrafos recebeu figuras célebres, como o líder da Legião Urbana, Renato Russo. “Conheci o Renato em 1983”, lembra o escritor. “A gente tinha uma turma enorme de amigos e ele era meu parceiro fiel nas noitadas punks paulistanas. Éramos freqüentadores assíduos dos bares Nepal, Carbono 14 e Rose Bom-Bom.” Sempre que viajava a Brasília, Marcelo ficava hospedado na casa de Dado Villa-Lobos, guitarrista da Legião Urbana. A festa rolava solta.

Como o pai de Dado era embaixador, vivia viajando para o exterior. A casa ficava vazia.

Beto Tchernobilsky

A banda, então, mudava-se para lá e realizava ensaios que duravam do amanhecer à madrugada. “Eles começavam a tocar bem cedo e me acordavam”, ri Marcelo, nostálgico. O passado deixou saudade. Renato Russo morreu em 1996, vítima de aids, e Marcelo Rubens Paiva, que fez sucesso com o livro autobiográfico Feliz Ano Velho, lançado no início da década de 80, debruçou-se sobre textos para teatro. Na semana passada, estreou no Teatro Augusta, em São Paulo, sua mais recente peça, Mais que Imperfeito, com Ingra Liberato e Tato Gabus Mendes no elenco. Incansável, o autor de 42 anos colocou o ponto final na próxima montagem teatral, Closet Show.

“É o último texto da trilogia que começou com E aí, Comeu?”, adianta. “Agora estou em fase de mexer os pauzinhos para produzir o espetáculo.”

REALEJO
BOLA 8
PAR PERFEITO
I-CHING
RUNAS
VIDENTE
NUMEROLOGIA
TARÔ ONLINE
HORÓSCOPO
 
ENQUETE
Marta Suplicy apareceu publicamente ao lado de Luiz Favre. Você acha que a prefeita deve assumir o namoro?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
O jogador Hernando, do Botafogo, atropelou 4 pessoas e prestou socorro às vítimas. Todas sobreviveram, mas ele foi condenado a 5 anos de prisão. Enquanto isso, Edmundo, que provocou um acidente no qual morreram três pessoas, continua sem cumprir pena. O que você acha disso?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala


| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE | AVISO LEGAL
© Copyright 1996/2001 Editora Três