Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 101
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 AGITO
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 INTERNET
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 SPFASHIONWEEK
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA
 

 

09/07/2001

CARREIRA

FLÁVIA MONTEIRO
Agora no picadeiro - CONTINUAÇÃO

Aos 28 anos, ela soma 14 de carreira e muitos desafios. Desde pequena sonhava ser atriz, mas não estudou teatro. Estreou na profissão em 1987, no filme A Menina do Lado, de Alberto Salvá, depois de vencer mais de 400 candidatas com idades entre 14 e 16 anos. “Flávia é um diamante que foi se lapidando. Quando bati os olhos nela senti que tinha talento”, elogia a produtora e roteirista do filme, Elisa Tolomelli, também responsável pela descoberta do ator Vinícius de Oliveira, de Central do Brasil. Ela superou ainda a resistência inicial do pai, o engenheiro químico Edson Monteiro, pois protagonizaria tórridas cenas de sexo com o ator Reginaldo Faria, na época com 45 anos. Quando o filme foi lançado, porém, ficou vários dias sem ir ao colégio, até por vergonha. “A direção da escola se reuniu para decidir se eu poderia permanecer estudando lá”, lembra.

André Durão
A volta ao Brasil selou o fim de um namoro de quatro anos com um argentino: “Não há sentimento que resista a uma situação dessas”

Visto por 800 mil espectadores, o filme foi um sucesso e sua interpretação elogiada pela crítica. Partiu para a Globo e fez a adolescente Fernanda em Vale Tudo, em 1988. Quando a carreira parecia estabilizada, os convites para tevê cessaram. “Custei a engrenar, hoje sei o que é o sucesso e o fracasso”, avalia. A fase de incerteza começou a mudar a partir de 1994, quando se mudou sozinha para São Paulo, para fazer Éramos Seis, no SBT. “Foi meu recomeço”, diz ela, hoje dona de uma cobertura duplex em Pinheiros, na capital paulista. “Também vou ter meu canto no Rio, mas quero procurar com calma.” Por enquanto, acha que o ideal é investir em dólares. Talvez pelo costume. Na Telefé, recebia em moeda americana.

Agora, Flávia diz que gostaria de viver uma vilã ou uma prostituta, mas só no ano que vem. As prioridades no momento são o musical e o projeto do CD com as canções do espetáculo, que gravará pela Abril Music. “Fiquei surpresa ao saber que ela estrelaria um musical, sinal de que estudou muito canto”, diz Elisa Tolomelli. A produtora lembra que, de tão desafinada, a atriz arrancava risos do elenco quando precisava cantarolar no filme. Apesar do sucesso com a garotada, Flávia descarta a possibilidade de comandar um programa infantil. “Não tenho perfil para esse trabalho”, diz, deixando escapar seu verdadeiro sonho: “Quero apresentar um programa de entrevistas para os jovens”.

<< anterior

Comente esta matéria
 
PAR PERFEITO
I-CHING
RUNAS
VIDENTE
NUMEROLOGIA
TARÔ ONLINE
HORÓSCOPO
 
ENQUETE
Você acha que o Brasil finalmente conquistou seu espaço no cenário da moda mundial, com desfiles como o SPFashionWeek?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
A seleção de vôlei acaba de ganhar a Liga Mundial, liderada pelo técnico Bernardinho. A seleção de futebol está nas mãos de Felipão. Você acha que hoje os técnicos brilham mais do que os esportistas?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2001 Editora Três