CANAIS
 COMPORTAMENTO
 POLÍTICA
 JORNALISMO
 LITERATURA
 MODA
 NEGÓCIOS
 AVENTURA
 TELEVISÃO
 CINEMA
 TEATRO
 MÚSICA
 DANÇA
 ARTES PLÁSTICAS
 ESPORTE
 RELIGIÃO
 EDUCAÇÃO
 CIÊNCIAS
 
 CAPA DA GENTE

Mary
Pickford

A primeira empresária do cinema

(18931979)

Aos 5 anos, ela já encenava pequenos papéis. Aos 8, tornou-se a única provedora da família, quando a mãe ficou viúva. Adolescente, com seus cabelos cacheados e cara de boneca, foi para a Broadway e surpreendeu os diretores ao pedir trabalho dizendo que era “o pai da família”. Logo começou a pegar papéis maiores e, com seu talento natural para a comédia, transformou-se numa das estrelas mais amadas do cinema mudo. Dona de olhos expressivos, Mary também tinha um aguçado tino comercial. Aos 26 anos, fundou a United Artists Corporation com Charlie Chaplin, D. W. Griffith e seu futuro marido, Douglas Fairbanks. A companhia, além de produzir os filmes, distribuía-os. O negócio começou a dar dinheiro, a tal ponto que Mary deixou as telas aos 40 anos, em 1933, como uma das mais bem-sucedidas empreendedoras do cinema – e certamente a primeira.

 
© Copyright 1996/2000 Editora Três