Clique para ver a capa ampliada
EDIÇÃO 100
 CAPA
 ÍNDICE
 Exclusivo Online
 BATE PAPO
 GALERIA DE FOTOS
 MULTIMÍDIA
 QUIZ
 SEÇÕES
 ACONTECEU
 AGITO
 BASTIDORES
 CELEBRIDADE
 DIVERSÃO & ARTE
 ENTREVISTA
 ESTILO
 EXCLUSIVAS
 IMAGENS DA SEMANA
 INTERNET
 MODA
 MUNDO
 QUEM SOU EU?
 REPORTAGENS
 URGENTE
 SERVIÇOS
 ASSINATURAS
 ASSINE NEWSLETTER
 EDIÇÕES ANTERIORES
 ESPECIAIS
 EXPEDIENTE
 FALE CONOSCO
 PUBLICIDADE
 BUSCA
 

 

09/07/2001


Fotos: Alcir N. Silva


Idade:
21 anos

Faturamento em 2000:
US$ 3,3 milhões
Tempo de carreira:
6 anos
Investimentos: bolsa de valores, apartamento em São Paulo e automóvel

Caroline Ribeiro

Em janeiro passado, a paraense Caroline Ribeiro encontrou uma brecha na sua concorrida agenda para desfilar no São Paulo Fashion Week. Ao desembarcar no País, viu-se diante de uma proposta inusitada. Um empresário coreano, dono da marca de roupas Ritz, do Bom Retiro, bairro paulistano de lojas populares, queria que ela posasse para seu catálogo de qualquer jeito. De início, os agentes da modelo recusaram a idéia. Afinal, como uma top como Caroline, estrela de campanhas de peso como Gucci e Louis Vuitton, concordaria em posar para a Ritz? Incrível, mas Caroline topou. Os R$ 200 mil pagos à vista pelo coreano por um dia de fotos a seduziram. Esse tipo de trabalho – que não dá prestígio, mas recheia o bolso – Caroline fez pelo menos uma vez por mês no ano passado, embolsando cerca de US$ 100 mil em cada um. “Acho que criei um mercado em torno do meu nome”, diz ela.

E pensar que, no início da carreira, sua silhueta era preterida pela moda. Chegou a ser despachada do Japão por não conseguir emplacar na profissão. De volta a Nova York, pagava US$ 350 mensais para morar num apartamento de um quarto e cozinha – com banheiro comunitário. “Tomava banho de chinelo”, lembra. Caroline estava prestes a abandonar a carreira quando o empresário Tom Ford a identificou como a cara da campanha de sua grife, a Gucci. Coisas do mundo fashion. Daí para o estrelato, foi um pulo. Caroline, porém, não se esquece de seu primeiro cachê. “Ganhei R$ 500. Minha mãe insistiu para que eu depositasse no banco. Mas queria sentir o gosto de colocá-lo na minha carteira”, conta. Assim foi. No dia seguinte, encostou a bolsa num canto do Memorial da América Latina, em São Paulo, onde participaria de um desfile. Resultado? “Roubaram a carteira. Aí, passei um ano guardando dinheiro debaixo do guarda-roupa”, diverte-se Caroline, dona de um carro e um apartamento em São Paulo e que sonha em comprar uma fazenda e uma casa de praia.

Ranking das Modelos
CLIQUE PARA LER O TEXTO
Fernanda tavares Isabeli Fontana
Caroline Ribeiro Luciana Curtis
Ana Claudia Michels Ana Hickmann
Adriana Lima Alessandra Ambrósio
Shirley Mallmann 10º Raica Oliveira
Texto principal da reportagem

Comente esta matéria
 
PAR PERFEITO
I-CHING
RUNAS
VIDENTE
NUMEROLOGIA
TARÔ ONLINE
HORÓSCOPO
 
ENQUETE
A Gente conferiu o ranking das modelos brasileiras mais bem pagas. Sendo a Gisele Bündchen a hors concours, qual das modelos você considera mais bonita?
:: VOTAR ::
 
FÓRUM
Embora tenha planejado a gravidez, Gugu diz que não pretende se casar com a mãe de seu filho, Rose. O que você pensa desse tipo de relação?
 
CHAT
Nome (até 20 caracteres):
Escolha uma sala

| ISTOÉ | DINHEIRO | PLANETA | ÁGUA NA BOCA | ISTOÉ DIGITAL |
EDIÇÕES ANTERIORES | ESPECIAIS |
| ASSINE A NEWSLETTER | ASSINATURAS | EXPEDIENTE | FALE CONOSCO | PUBLICIDADE |
© Copyright 1996/2001 Editora Três