13 de outubro de 1999
Home
Home
Semana
Diversão e Arte
Outras Edições
Fale Conosco
Assine
Assine
Assine
Assine
Assine
Busca

Leia também:

Televisão

A cara nova da Rede TV!
América, América
As Aventuras de Tiazinha
Programa do H
Caminhos e Parcerias


Cinema

Tudo sobre minha mãe
Tramas do sucesso
Austin Powers - O Espião "Bond" Cama


Teatro

A Rainha da Beleza de Leenane


Música

O Pai da Alegria
Mil Pássaros - Sete Histórias de Ruth Rocha

Ray Conniff's Country
Free Jazz


Livros

Timbuktu
Burr
Adalgisa Nery


Internet

Olivier Anquier
Onde Tem Festa



Cinema - Foco

Tramas do sucesso
Mike Myers, Heather Graham, Rob Lowe

Ramiro Zwetsch

Bons atores e boas histórias sempre levaram público ao cinema, mas atualmente nada parece ser tão eficiente quanto uma boa estratégia de lançamento. Basta dar uma olhada nos filmes em cartaz: pelo menos quatro deles têm no marketing seu maior trunfo financeiro.

O exemplo mais gritante é A Bruxa de Blair, um projeto quase amador que estourou depois de confundir o público com um site na Internet. A história era ficção ou realidade? Os diretores alimentaram a dúvida e não mostraram os atores no lançamento do filme, no Festival de Sundance. Os americanos compraram a história - e os ingressos - e o filme se tornou o maior fenômeno independente da história cinematográfica.

Até o mestre Stanley Kubrick, de De Olhos Bem Fechados, investiu no mistério. Tirou Tom Cruise e Nicole Kidman de circulação e alardeou um segredo absoluto sobre as calientes cenas de sexo entre eles. Garantiu o sucesso - o filme já contabilizou US$ 56 milhões nos EUA e levou 620 mil pessoas ao cinema no Brasil.

Em Noiva em Fuga, a estratégia foi reviver a dupla Julia Roberts e Richard Gere, de Uma Linda Mulher (1990). Depois de nove anos cultivando o possível reencontro, o diretor Garry Marshall conseguiu faturar mais de US$ 124 milhões só nos EUA.

Austin Powers - o Agente “Bond” Cama foge à regra, mas não perde em originalidade. Foi um fenômeno espontâneo de bilheteria graças às locadoras de vídeo. Mike Meyers só conquistou sua legião de fãs quando o primeiro filme, Austin Powers 000 - Um Agente Nada Discreto (1997), foi comercializado em vídeo. Para o sucesso do segundo, foi só fazer mais algumas trapalhadas.

(Gabriela Mellão)

 

Boletim Assine Fale Conosco Outras edições Home Boletim Assine Fale conosco Outras edições Home